Dermatologista

Tudo sobre a toxina Botulínica

19/08/2013

Eu AMO botox, tanto que nem me importo de colocar a montagem abaixo no ar: o antes e depois é meu! Gosto porque tenho o rosto muito expressivo, mexo a cara inteira para falar uma frase – só percebi isso quando me vi na TV pela primeira vez. A toxina botulínica suaviza a minha expressão, e uso, obviamente, como uma maneira de prevenir rugas e linhas. Faço duas vezes por ano. Acho que é um assunto que ainda deixa muita gente cheia de dúvidas. Por isso, fui pedir ajuda à minha dermatologista amada, Raissa Chemello, que escreveu um post bem longo explicando tudo em detalhes. Espero que vocês gostem!

20130819-103941.jpg

A Toxina Botulínica é um produto de origem BIOLÓGICA, obtido através da bactéria Clostridium botulinum – ou seja, é uma toxina liberada através da cultura dessa bactéria. Ela é uma das substancias mais letais que a humanidade conhece. Era freqüentemente associada a surtos letais de envenenamento alimentar ( botulismo). Entretanto, hoje é utilizada para tratamento clínicos e estéticos. É produzida nos EUA, Europa e Ásia em centros que regularmente são inspecionados e aprovados pelo F D A, a agência americana regulamentadora.

A Toxina Botulínica funciona bloqueando a liberação de um (neuro)transmissor entre o nervo e o músculo (junção neuromuscular) produzindo assim uma paralisia química REVERSÍVEL de todos os músculos expostos a ela. A idéia de utilizar a TB para fins estéticos surgiu com os pesquisadores canadenses Alastair e Jean Carruthers ( história em pormenores vale a pena ser lida, nem que seja no Google, é sensacional), após eles observarem que ao aplicar a toxina no rosto dos pacientes com alterações musculares (paralisias, espasmos) o paciente ficava praticamente sem linhas e rugas.

A facilidade de aplicação, o alto perfil de segurança e os resultados gerados a partir do seu estético levaram, rapidamente, a aplicação da toxina botulinica ao posto de procedimento dermatológico não cirúrgico mais realizado no mundo, com um aumento de 400% desde sua descoberta para este fim.

A Toxina Botulinica apresenta excelentes resultados no tratamento das rugas e linhas de expressão pelo excesso de contração dos músculos do terço superior da face. Não que ela não possa ser aplicada em músculos de outras da região da face, mas é no terço superior que os resultados se destacam mais, principalmente pela naturalidade. Favor não confundir TB com PREENCHIMENTO do terço inferior da face, que é um procedimento totalmente diferente, com outro tipo de indicação e outro tipo de material – o acido hialurônico, uma molécula que também é reversível, mas não é o objetivo de discussão aqui.

O que muitos pacientes questionam é se vale a pena fazer desde cedo, se não vai deixar de fazer efeito e se não vão ficar muito ” congelados”. A minha opinião é de que quanto mais cedo melhor, pois depois que a linha já se instalou fica mais difícil ela sumir somente com a aplicação da TB. Se ela já estiver bem funda, definitivamente não sai só com esse procedimento. A TB é utilizada para outras finalidades em doses muitos maiores e em crianças acima de 9 anos de idade – logo, em relação à segurança esse tipo de pensamento não tem fundamentação. Em relação a deixar de fazer efeito ao longo dos anos de uso muitos estudos bem desenhados foram realizados desde a década de 70 e o maior melhor deles mostrou um risco de 0,35% de desenvolver anticorpos contra a TB, todos em pacientes que utilizaram altas doses e por muito tempo, nos casos já mencionados de paralisias e mioclonias por exemplo. O que às vezes acontece é que à medida em que envelhecemos e não nos cuidamos, a pele vai mudando e os resultados não são os mesmos de quando aplicamos numa pele jovem e bem tratada. Exemplo: não adianta fazer TB todo anos e fumar e tomar horrores de sol. As rugas vão continuar vindo em massa, porque apesar das rugas do terço superior serem rugas predominantemente de expressão, esses e outros fatores influenciam sim!

E finalmente a expressão congelada. Na verdade a duração da toxina esta diretamente relacionada à quantidade de toxina aplicada (e ao local de aplicação). Mas a pessoa pode abrir mão de uma longa duração para ter uma expressão mais natural, principalmente em áreas onde isso fica mais evidente. Por exemplo: na região ao redor dos olhos não há necessidade de se poupar movimento, porque não eh uma área que congela a expressão. Ja a região frontal ( testa) se não tiver muitas linhas ou linhas muito fundas, pode receber um dose total menor deixando o resultado suave e ainda assim eficiente.

A duração média da TB, nesses termos é em media de 4 meses podendo chegar a 6. Pacientes em uso de fluoxetina, com doença da tireóide, atletas de ponta, fumantes, entre outras situações, têm uma duração menor. Os resultados aparecem em 72h, com pico em 15 dias.
As contraindicações supremas são gravidez, miastenia grave e infecção no sítio de aplicação. Mas existem outras.

A aplicação é feita em consultório, geralmente é indolor, ou quase, e não requer afastamento de nenhuma atividade exceto se o paciente for Educador Físico, pois exige 2 horas sem baixar ou deitar a cabeça após a aplicação e 24 h sem exercícios intensos. Pacientes com uma pele mais branquinha podem ficar com pequenos pontos vermelhos ou roxos, no sítio das injeções, mas isso não é comum. Se acontecer, geralmente gelo e corretivo salvam.

Por último, não se recomenda fazer esse procedimento pela primeira vez (e mesmo que não seja a primeira vez) muito perto de alguma data especial. O ideal é 1 mês antes: da tempo de fazer uma complementação se necessário e o efeito fica mais natural, já que o pico de ação da TB eh 15 dias. E um lembrete final, em tempos de Grupon e afins: se vocês tem acesso, procurem saber quanto custa UMA ampola de toxina botulinica usada para fins estéticos. Verão que cobrar 250,00 por uma aplicação mesmo que em uma área reduzida é no mínimo estranho já que eu não conheço ninguém que goste de pagar para trabalhar- nem vou mencionar a parte profissional.

Raíssa Londero Chemello

Médica Dermatologista – CRM 27193 Mestre pela Universidade do Rio Grande do Sul (UFRGS)

11 amaram.

Você também poderá gostar

3 Comentários

  • Responder Marcia Wadt Miranda 20/08/2013 at 7:34 pm

    Estas clinicas que fazem toxina botulinica por cupom, normalmente usam até 35 UI, que não é suficiente para mais do que uma regiao, por isto o preço aparentemente melhor. Fora que nao sabemos qual a origem do frasco.

  • Responder Alda Lacerda 23/08/2013 at 11:32 am

    Adorei a sua autenticidade Paula!

    Gostei também de ver o Antes e o Depois….
    Eu uso botox entre as sobrancelhas 2 x por ano e lendo o que você disse “Gosto porque tenho o rosto muito expressivo, mexo a cara inteira para falar uma frase – só percebi isso quando me vi na TV pela primeira vez”, vou me observar no espelho, conversar comigo, sorrir, para ver como fica a minha linha de expressão, principalmente nesta área dos olhos.

    As suas fotos me chamaram atenção e olha só, tenho 56 anos com aparência 46 (a vida inteira foi assim e qdo tive meu filho com 25 anos, pensavam que eu era a tia, com cara de 15 hahaha)e vou pedir à minha médica para ver se precisa mesmo aplicar nesta área porque ela sempre fala que não, que ainda não preciso. Sei que é um orgulho, lógico, mas….tenho que prevenir, como disse a Dra.Raíssa. Gostei!!

    Beijos felizes por este assunto!

  • Responder 5 anos fazendo Botox - Sweetest Person 05/04/2016 at 3:59 pm

    […] entendidos) já há 5 anos. A primeira vez foi em 2012, tem post aqui mostrando o antes e depois, e aqui tem post mostrando o de 2013. Lembro que fiz meio ressabiada, sem saber direito o que esperar, mas acabei me […]

  • Deixe seu comentário

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.