Post das leitoras Viagem

Pelo mundo: TEXAS!

25/02/2011

Howdy! 🙂

Não sei vocês, mas eu to amando essa vibe viagem da Paula!!! E indo um pouco mais a fundo nessa vibe, venho aqui escrever sobre um país exótico que todo mundo deveria visitar – os Estados Unidos da América!!! Hehehe, brincadeirinha gente. Sei que EUA é  tipo “sonho” de todo mundo e provalvemente o país no exterior mais visitado por brasileiros! Mas venho aqui mostrar que os EUA são muito mais do que a Disney, a Estátua da Liberdade em NY e Miami Beach…

Bom, antes de me achar a espertona no assunto, vou contar um pouco quem sou e como vim parar aqui no meu finzinho de mundo. Meu nome é Priscila Caçola, tenho 28 anos, sou de Curitiba, e estou terminando o doutorado em Neurociência Motora na Texas A&M University, na cidade de College Station, no Texas. Sim, vim parar aqui do além! Texas? A única coisa que me vinha na cabeça se ouvisse essa palavra era George Bush, e ok, vou admitir, cowboys, peão, rodeio, essas coisas. Coisas que eu nem conhecia! E ainda vim parar numa cidade pequena, e sem nada para fazer – já viu né? Mas adivinha?  Hoje sou muito grata por ter vindo parar aqui, no “grande país do Texas”!

Falando no Bush, olha aí o túmulo do George H. Bush, o 41º presidente dos EUA (ele e a esposa Barbara Bush não morreram ainda, mas quando chegar a hora, vão ser enterrados aqui em College Station! E minha cidade vai até sair no noticiário!!!  

Bom, vamos lá: College Station, a minha cidade, é tipo assim, diferente de tudo o que eu já tinha visto. Tem mais ou menos 60 mil habitantes, dos quais mais da metade são alunos da universidade, e o resto, adivinha? Professores e funcionários da universidade. Mas uma das coisas mais interessantes no meu ponto de vista, pra quem vem estudar nos EUA em geral, é a questão do amor pela sua universidade. Aqui, todo mundo veste a camisa mesmo! Eu fiz graduação e mestrado na UFPR em Curitiba, e honestamente, nunca tive aquela “identificação”  com a universidade do jeito que eles têm aqui, e o que sobrou desse tempo foi um diploma com a logo da UFPR. Aqui, a universidade que você vai é SUPER IMPORTANTE, e cada universidade tem a sua rival (tipo rivalidade de time de futebol que conhecemos tão bem).

No caso da Texas A&M, a rival “mor” é a University of Texas. Nem pense em andar com uma camiseta da T.U. (como é “carinhosamente” chamada)que a coisa fica feia. As duas escolas são públicas e as maiores do Texas, e de altíssima qualidade. Mas aqui, pública só significa que é mais “barato” que uma particular. De graça? Não mesmo, a não ser que você tenha uma bolsa por mérito.

O estádio de futebol Americano, com certeza o esporte mais famoso nessas bandas!
 
Outra coisa que é legal é que os alunos têm um “apelido” relacionado a universidade, por aqui, nós somos os Aggies. Não tem tradução pro português, mas vem do nome antigo da universidade (Texas Agricultural & Mechanical). Então a cidade, é dignamente chamada de “Aggieland”.  A conexão entre os alunos é muito, muito grande. Explico: Se você se formou aqui, mesmo que seja em 1900 e bolinha, você compra um anel da universidade. Então todo Aggie tem um anel, e o anel é reconhecido de longe. Então, por exemplo se tem dois aggies na China e um vê o anel na mão do outro, vai correndo se apresentar, “tem” que falar o ano que se formou, e logo são colegas e vão se ajudar. Não é uma beleza???


 
Outra questão universitária são o número de semestres, eles têm 3: spring (Jan. – maio), summer (June, july, agosto), e fall (set – dezembro), mas as aulas no verão são opcionais. Quase todo mundo trabalha no verão também. Na verdade, antes de reclamar do Brasil, sempre lembre que aqui o máximo de férias são de 2 semanas no ano, e feriado é coisa rara nessas bandas.

Sou aluna mas também trabalho na universidade, e eles pagam a minha tuition (valor do semestre) e um salário mensal. Geralmente é pra se dar aula, fazer correção, ou trabalhar no laboratório. Eu faço os dois, dou aula e faço pesquisa. Uma coisa que eu não sabia quando pisei nos EUA é que aqui,realmente, doutor TEM doutorado, e é chamado de Doctor fulano (sobrenome). E a não ser que eles te digam que podem chamar ser chamados pelo primeiro nome, o negócio é chamar de doutor mesmo. Eu como não cheguei lá, os alunos insistem em me chamar de Miss e o meu sobrenome, mesmo que eu insista que eles me chamam pelo meu primeiro nome (quando a pessoa tem um sobrenome estranho como o meu aí dá pra entender). E umas das coisas que mais aprecio ao trabalhar aqui, é esse respeito. Ninguém abre a boca na sala de aula – pode até viajar ou o sei lá o quê – mas o professor é extremamente respeitado.

Mas agora chega de falar de trabalho.  O que as pessoas fazem aqui no Texas, além de coisas ligadas a fazenda e cavalos? Bom, o Texas, como eu descobri depois de vir pra cá, é MUITO MAIS que isso! Primeiro, os texanos são muito orgulhosos de quem eles são e do que têm, e com o tempo, descobri que eles têm motive pra se orgulhar! O Texas é um estado muito grande (só perde pro Alaska em tamanho), e tem várias coisas diferentes pra fazer. Por exemplo, a uma hora e meia de carro da minha cidade, tem duas cidades fantásticas – Houston e Austin.  Houston é uma cidade muito cultural, há várias opções de museus e outros tipos de arte, tipo sinfonia e concertos. E restaurantes do mundo inteiro. Entre as atrações de Houston estão o Galleria, o maior shopping do Texas (gigantesco mesmo) e chique, a Rice University (conhecida como a Harvard do sul), e o Johnson Space Center (NASA).  Mas a minha favorita é a capital do Texas. Austin é fantástica!!! Capital da música, inspira vida e gente saudável.

Umas das vistas de downtown, Austin.
 
Um pouco mais afastado do centro, a gente acha vários parques diferentes, e o que eu mais gosto é a Hamilton pool, dá uma olhada na cor da água!!!


 
Não se convenceu ainda que Austin é maravilhosa? Dá um bizu no famoso pôr-do-sol do Lake Travis, que fica no norte de Austin.

 

Essa foto foi tirada de um bar/restaurante gigantesco que tem vista pro lago. Sentado lá tomando uma margarita, o que mais você quer da vida?

Uma das vantagens de vir pro Texas é o calor (muuuiiiito calor no verão e agradável no inverno). Então parque aquático é uma coisa muito comum por aqui. Quer conhecer o SeaWorld mas não quer ir pra Orlando? Então vem pra San Antonio!!!

 

San Antonio fica a mais ou menos 3 horas de College Station, e é onde fica o Alamo, lugar que foi importantíssimo na revolução texana. A batalha do Alamo é conhecida porque os texanos (naquele tempo o Texas era no México e não nos EUA) foram invadidos pelos mexicanos porque não queriam mais pagar impostos. O número de soldados era muito diferente, e claro que eles perderam, mas a batalha acabou desencadeou a revolução texana.  O Texas venceu e separou-se do México, virando um país chamado República do Texas (e foi por 11 anos). Curiosamente, a bandeira do Texas ainda é a mesma dessa época, e por isso o Texas é chamado de “Lone Star state”.
 

San Antonio ainda tem uma riverwalk fantástica, com vários bares e restaurantes, um charme à noite. Eu adoro! É também a cidade onde há a maior população hispânica do Texas, então os restaurantes mexicanos são ótimos.


 
Tá, tudo muito bom, bonito, mas eu gosto é de praia! O Texas tem praias lindas. Uma delas, Galveston, foi destruída pelo furacão Ike uns anos atrás, e não voltei lá depois disso, mas dizem que foi tudo reconstruído. Mas gosto mesmo é de Corpus Christi! É uma cidade super mexicana, e fica a mais ou menos a 4 horas de College Station, e a praia, como não podia deixar de ser, é linda. Olha a vistinha:


 
E pra variar, na primavera, quando você dirige pelas estradas do Texas, elas ficam cobertas com um símbolo importíssimo daqui, o Texas bluebonnet. É uma flor azul que em grandes quantidades, cria um cenário lindo! Pode parar pra tirar foto, mas arrancar é crime, e aiaiai se o policial te ver, ele não vai gostar não!


 
Gostou? Viu como o Texas é muito mais do que Bush e cowboys? E isso que eu não falei de Dallas-Fortworth, e vários outros lugares que eu não tive a chance ainda de ir, justamente por ser um estado muito grande. E agora que brasileiros que têm visto americano podem cruzar a fronteira do México, esse é o meu próximo destino! A fronteira é somente 7 horas daqui, e já até me matriculei num curso de conversação em espanhol pra desenferrujar o meu espanhol (também conhecido como portuñol).

Bom, não deu pra falar muito de diferenças culturais, de fazer pós-graduação, ou outras particularidades de se morar/viajar pelos EUA fora da rota comum. Me procurem pelo blog pra outras informações:

 http://pristuff.wordpress.com  ”

***Obrigada Pri!!

****Quem estiver morando em algum lugar legal desse mundão e quiser contribuir com um post pro Sweetest, é só entrar em contato! 😉

16 amaram.

Você também poderá gostar

50 Comentários

  • Responder Flavia Mariano 25/02/2011 at 9:44 am

    Ai que delícia! Nunca fui ao Texas e tem muita vontade! Agora, está na lista de vez! Priscila, arrasou! E boa sorte no doutorado!

    Beijos

    • Responder Paula Sweetest Person Blog 25/02/2011 at 10:13 am

      Eu tbem fiquei com vontade!
      Sou preguiçosa e ainda não tirei meu visto pros EUA!
      hahaha
      beijos Flavinha.

    • Responder Priscila 26/02/2011 at 2:07 pm

      Obrigada, venha sim! E bonito mesmo 🙂
      beijos

      • Responder Geomir Alan 18/04/2013 at 8:31 pm

        Priscila, sou bombeiro aqui no RS e estou indo em Julho para fazer o curso Spanish School, na A&M University. Você deve conhecer o curso que é uma especialização em combate a incêndios e só ocorre em Julho para bombeiros latinos. Falo isso pois estou encontrando uma certa dificuldade de achar um lugar legal para ficar.Tenho mandado emails para The Tradition at Northgate mas não obtenho respostas. Vc pode me dizer se esse lugar é bom?? E mais, estarei aí do dia 5 de julho de 2013 até dia 13 de julho de 2013 e preciso de um lugar para ficar, se souber de alguém que queira dividir um alojamento ou algo parecido seria muito útil.
        Qualquer coisa me escreva no cortinadefogo@yahoo.com.br
        Obrigado por enquanto.

  • Responder Bebel 25/02/2011 at 2:52 pm

    Adorei o post!!!
    Moro em Houston e ainda não tive a oportunidade de ir além de Galveston e Austin, mas a Priscila acertou em cheio… O Texas é mais que um estado, é quase um estilo de vida, um país dentro de outro. Não sabia que tinha TANTA coisa bonita aqui, com certeza vou levar esse post comigo quando começar a viajar!
    E Priscila, tenho um super amigo aggie e até torço pra vocês de vez em quando… mas sou uma Longhorn fan desde mais nova, hahah. Hook ‘em! 😛
    Beijooo

    • Responder Paula Sweetest Person Blog 25/02/2011 at 2:59 pm

      Bebeeel, tu nao tava na Angola? Sua globetrotter!!!
      😛
      beijossss

      • Responder Bebel 25/02/2011 at 7:32 pm

        Uhauhauah, tava sim Paulinha! Mas há uns 6 meses eu e minha família voltamos pra cá pra Houston… Já moramos aqui há uns 5 anos atrás, por isso conheço a cidade! É super legal culturally speaking — mas fora isso, Houston é um poço de chatice… em Austin é que tá a vida! hahaha
        Um beijooo!

    • Responder Priscila 25/02/2011 at 5:23 pm

      Ah não Bebel, Longhorns não dá!!!

      GIG’EM!!!

      Venha aqui pra Aggieland!
      Beijos

      • Responder Bebel 25/02/2011 at 7:40 pm

        Ai Priscila, quem me dera viu? rs! Sou freshman e fazer transfer nesse período é super chato… além do mais tenho matérias que não são transferíveis praí, então é goodbye credit hours… 🙁
        Mas espero que você esteja se divertindo aí em College Station! O pessoal que conheço que está aí adoooora! 🙂
        By the way, vou entrar no seu blog agora. Quero mais dicas de coisa boa por aqui! rs
        Um beijao!

        • Responder Priscila 26/02/2011 at 2:04 pm

          Bebel, nunca pensei em dar dicas de coisas por aqui, pq sempre achava que ninguem iria querer saber disso, mas agora vou comecar a organizar algumas dicas sim!
          Beijo!

    • Responder Ana Graziela 01/03/2012 at 3:36 pm

      Olá Paula, não sei se é possível, mas gostaria de entrar em contato com Bebel, que colocou os posts no seu blog. Estou indo para Houston em setembro e preciso de umas dicas. Minha maior preocupaçao é onde morar…vou ficar por 4 meses…bjus

  • Responder Andreza A A 25/02/2011 at 4:53 pm

    Paulinha, valeu por nos presentear por esse post da Pri!

    Pri, valeu por nos deixar com um gostinho texano na boca… uma vontadinha de conhecer esses lugares.

    Meu marido está terminando o mestrado aqui e vendo oportunidades em diversas universidades. O que eu quero mesmo é que uma porta se abra nos EUA, seria muito bom.

    Beijos!

    • Responder Priscila 26/02/2011 at 2:06 pm

      Tomara que de certo Andreza, eu aprendi muita coisa aqui, realmente foi o meu melhor caminho profissional! Boa sorte!
      beijos

  • Responder Flavia Galdino 26/02/2011 at 12:06 am

    adorei o post!
    estive duas vezes no Texas, as duas em Livingston e em Houston e adorei, quero mtoooo voltar. Adoro as towns com outlets incríveis, onde fiz várias compras!
    sempre tive vontade de conhecer San Antonio.

    beijos
    Flávia

  • Responder Eloisa 26/02/2011 at 12:24 pm

    Pri, amei conhecer um pouquinho do Texas, deu muita vontade de conhecer, hehe… Mas gostei mesmo foi saber de você, da sua vida e rotina. Sabe que temos um carinho enorme por você neh!? Assim, vê-la feliz, também nos dá muita alegria!!!
    Só não vai gostar tanto daí a ponto de nos abandonar definitivamente, queremos você de volta futuramente… hehe

    • Responder Priscila 27/02/2011 at 9:36 pm

      Sim, o carinho é recíproco, vc sabe amiga. Precisamos conversar né, faz muito tempo que não nos atualizamos… logo vou ter que mandar um longo email. Por enquanto, estou procurando emprego, se puder reza por mim pra que meus caminhos se abram. Aí eu vou visitar vcs depois disso, prometo 😉
      beijos, manda pras meninas tb 🙂

  • Responder Luis Paulo Rodrigues 26/02/2011 at 1:24 pm

    Que saudades do Texas e de College Station !!
    É tudo o que descreves, Priscila, e muito mais.
    Gig’em

    Paulo
    always Aggie
    Portugal

    • Responder Priscila 27/02/2011 at 9:32 pm

      É verdade amigo, é muito mais mesmo, é que não tem como descrever! Um beijo pra vc!

  • Responder lu 26/02/2011 at 6:15 pm

    nossa, lindo.. a praia entao, e esse estadio?!!! amei, adorei msm essa materia, parabens Paula.

  • Responder Joyce Angelos 27/02/2011 at 11:28 am

    Ola meninas!
    Sempre acompanho o blog e que surpresa ao ver o Texas como post!
    Eu e meu marido moramos em San Antonio e o Texas é realmente um estado muito legal de se viver e que normalmente as pessoas soh pensam em cowboys e a antipatia dos Bush….hehe Adorei o post! Eu conheco soh San Antonio, Austin e Corpus Christi (praiaaa)! Valeu as dicas!!!!
    Bjos a todas…agora vou comecar a visitar o blog da Priscila tb! ehehe

    • Responder Paula Sweetest Person Blog 27/02/2011 at 4:53 pm

      hey fala com a Pri e tratem de se conhecer!
      beijos,

  • Responder Patrícia Tanajura 27/02/2011 at 5:01 pm

    Adorei essa integração de outros olhares e opiniões em seu blog, Paula! Sei que o blog é caracterizado pelas opiniões da”dona”, como um diário, mas sinceramente, acho isso tão egocêntrico e solitário. É tão luxuoso pode ver através de outras pessoas, é tão enriquecedor interagir e incorporar ideias, sem falar que nos dias de hj, de tanta interatividade, seria mta abstração permanecer isolada dentro de sua blogsfera, né?

    Adorei a descrição bem pessoal, objetiva e dinâmica do Texas, que prá mim sempre pareceu meio desinteressante. Bom ver que não é!

    Parabéns prás duas, então; Paula pelo blog mto, mto massa, sempre, e Priscila, pelo relato. Super boa sorte ai! Prás duas, aliás!

    Bjo.

    • Responder Priscila 27/02/2011 at 9:31 pm

      Concordo plenamente com vc Patrícia, adorei o seu comentário, o blog da Paula é realmente único por essa razão!

  • Responder ana 27/02/2011 at 6:12 pm

    Bom post, Pri.
    Austin e temperaturas de 25-30 graus em pleno inverno são as duas únicas coisas que prestam no Texas.

  • Responder Barbara Silva 27/02/2011 at 7:24 pm

    Quanto tempo que nao venho cá Paula!!! Muito corrida que a vida tá! Vim te deixar um beijinho!! e Sou suspeita pra falar do Texas. Já vivi em Austin e sou coimpletamente apaixonada por aquela cidade, amo, amo e morro de saudades 🙂

    E depois responde ao meu e-mail, quero saber quando vens pra cá!
    beijinhos

  • Responder Monex 28/02/2011 at 5:38 pm

    Enquanto eu trabalho na reconstrucao do massame e poleame outra aluna da Texas AM Audrey Wells esta a criar um modelo com outro software para testar o espaco desta nau onde e que se arrumavam as mais de 400 pessoas mantimentos carga armas sobressalentes etc.? E em 2005 o saiu meu livro um bocadinho maior em ingles The Pepper Wreck College Station Texas AM University Press 2005. Eu participei como co-director na altura eu era gestor e em 1998 vim para o Texas estudar arqueologia nautica com uma bolsa do Instituto Portugues de Arqueologia.

  • Responder Fernando Copetti 02/03/2011 at 9:29 am

    Oi Priscila,
    Parabéns pelo Post, ficou muito bom!!! Minha breve estada em College Station já havia deixado saudades e aquele gosto de quero mais… quem sabe um dia…, agora ampliada esta perspectiva através da sua alma texana, ficou irresistível. Obrigado por compartilhar conosco! Quem sabe um dia… Grande beijo.
    Fernando

  • Responder Gabriela Pozzatti 02/03/2011 at 9:52 am

    Pri…

    Adorei conhecer um pouco mais do teu novo (nem tanto) mundinho. Quem sabe em breve tu não recebe umas visitinhas???
    Fiquei muito feliz em saber que está vivendo e fazendo acontecer por aí. Te desejo muita felicidade e torço muito por ti.

    Beijos!

  • Responder Anna 30/10/2011 at 10:18 am

    Oi Paula! Muito legal o seu blog! Adorei o post completíssimo que vc fez!
    Eu moro em College Station e acabei de transferir da University of Houston pra Texas A&M, estou felicíssima! Você ainda mora por aqui?
    bjos!

  • Responder Adelmo Ferraz 02/11/2011 at 8:40 pm

    Beautiful!

  • Responder vasty 30/05/2012 at 11:17 pm

    Nossa que lindo…
    Meu sonho é conhecer o Texas!!

  • Responder Wesley Grijó 04/06/2012 at 8:43 am

    Olá, vou passar 4 meses fazendo doutorado sanduíche na TAMU e gostaria de saber sobre locais para aluguel para estudantes estrangeiros. Não vi nada a respeito em seu post, mas achei que poderia me dar uma força pois não conheço ninguém em Austin, exceto o pesquisa que vai me supervisionar por lá. Caso possa me ajudar fico grato!

    • Responder Priscila 13/06/2012 at 11:40 am

      Wesley, a Tamu é em College Station, não em Austin. Sugiro que vc entre nesse site da Associação brasileira, tem muita informação boa principalmente relacionada a lugares pra morar – http://brsa.tamu.edu/

  • Responder Ana maria schefer ameiro 12/06/2012 at 9:13 am

    Por favor dêem-me dicas de onde poderei praticar meu inglês, sou tímida e gostaria de um trabalhinho voluntário (saúde ou educação) para dar uma deslanchada…Estarei por dois meses em College Station com meu marido e não tenho nada programado, sem ser passeios.Ah, esqueci de dizer que tenho 60 anos, viu? Devo confessar que sou sex…sexagenária!kkkk
    Beijokas,

    Aninha

    • Responder Priscila 13/06/2012 at 11:43 am

      Ana, o melhor vai ser fazer cursos em igrejas (tem uma em Northgate que oferece cursos de ingles pra estrangeiros) ou o Barbara Bush Center. Os cursos são gratuitos já q existem muitos estrangeiros. Vc também pode fazer voluntariad, há oportunidades aqui – http://www.volunteermatch.org/ – procure por College Station ou Bryan.

  • Responder Diogo 04/10/2012 at 8:03 pm

    Oi Priscila, gostei muito do seu Post! Eu estou indo no próximo ano fazer uma parte do meu doutorado sanduíche no texas mas não decidi algumas coisas e gostaria de ter sua ajuda… Eu tenho opções de estudar em Austin ou em College Station, qual seria melhor para morar? Tenho a opção de morar em Houston e frequentar esporadicamente College Station, essa opção seria melhor?
    Obrigado.

    Diogo.

  • Responder Priscila 18/10/2012 at 1:19 pm

    Oi Diogo – acho isso uma decisão bem pessoal, College Station é uma cidade pequena com somente a universidade em volta, e Austin é uma cidade cheia de vida. Houston é gigantesca. Se fosse só pela cidade Austin é a opção número 1 de longe, mas eu escolheria o que tem o program melhor na minha área. Se quiser discutir mais por favor me mande um email no cacola@uta.edu. Boa sorte!

  • Responder Marcela Machado 22/11/2012 at 9:44 pm

    Oi, adorei sua “cobertura” do Texas, de verdade me encantou!
    Começarei ano que vem a cursar Relações Internacionais. Mais tarde penso em fazer um intercambio pois me ajudaria muito. No entanto o que eu queria mesmo seria depois do meu curso ir morar no Texas.
    Não sei quase nada de lá, mas o que eu li no seu post eu me identifiquei muito!
    Queria saber se com a profisao que escolhi, eu teria como arranjar um emprego, coisas assim sabe.
    Queria conversar mais com você sobre isso, se puder me add no msn: celinhavmachado@hotmail.com ou no face: http://www.facebook.com/MarcelaVMachado

  • Responder Barbara 03/12/2012 at 2:45 pm

    Priscila, moro em Austin e quero muito comecar faculdade, mas tenho mil e uma duvidas! Precisava muito conversar com alguem que estuda por aqui. Se tiver algum tempinho e estiver disposta a conversar por favor me mande um email: bcarinee@gmail.com
    Muito obrigada e boa sorte!
    🙂

    • Responder Priscila 28/01/2013 at 1:15 am

      Barbara, gostaria de te ajudar mais nao tenho informacoes a respeito da graduacao por aqui – eu so fiz pos nos Eua e o processo e bem diferente dos cursos de graduacao. Sugiro que vc contate o Admissions Office de alguma universidade q queira estudar e eles te explicam o q precisa. Se tiver alguma pergunta me mande um email, boa sorte!

  • Responder Edson Manuel Mussombo 11/01/2013 at 6:36 pm

    ola,Eu so o Edson Manuel Mussombo,angolano e pretendo fazer o meu mestrado em Austin,mas gostaria que me esclarecesse quanto aos valores a ser pagos semestralmente.obgd

  • Responder Leonardo Cruz 26/01/2013 at 5:19 pm

    Oi Priscila,moro no Rio de Janeiro,conheci por aqui,a história da cantora Selena,muito famosa por aí,acabei por gostar de suas músicas e despertou em mim a vontade de visitar Corpus christi,mas não sei falar inglês e nem espanhol,será que é recomendável ir assim mesmo?Assim que eu tiver condições, pretendo viajar para corpus,obg e fique com Deus!!!!

    • Responder Priscila 28/01/2013 at 1:22 am

      Leonardo essa e uma decisao muito pessoal, eu acho q nao seria recomemdavel a nao ser q vc venha com um guia, pq senao nao tera jeito de se comunicar, precisa saber um basico pra informacoes gerais.

  • Responder Marcela Siebre 03/06/2013 at 2:52 pm

    Boa tarde! Tudo bem?

    adorei seu blog!
    gostaria de saber onde posso comprar botas Country ai?
    gostaria de modelos exoticos.
    ahh eu moro em Piracicaba – SP

    obrigada!
    Marcela

  • Responder Rosemere Cortez 20/01/2014 at 7:12 pm

    Olá Priscila.
    Estou indo com minha família (filha, 19 anos e marido) em março/2014 e ficaremos até maio/2016. Não falo, praticamente, nada em inglês. Sabes se há algum curso (público) de inglês para eu “mergulhar”.
    Obrigada.
    Rose

  • Responder Abigail Neves 01/08/2014 at 6:43 pm

    Olá!
    Gostaria de informações sobre cursos gratuitos de inglês por 4 semanas. Estou de viajem marcada para dezembro/2014, para Dalas… Você poderia me ajudar?
    Obrigada!

  • Responder Rubia Grazielle 19/03/2015 at 10:18 pm

    Olá! Mora no Brasil, vou me mudar para austin, sou casada e tenho 2 filhos, 6 e 10 anos, estou muito preocupada com a adaptação, principalmente das crianças, queria mais informações sobre austin, se alguém puder me ajudar eu agradeço muito, se tiver alguém que more em austin, e tiver um tempinho pra conversar comigo! Rubiabovo@gmail.com

  • Deixe seu comentário

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.