Dicas de viagem Viagem

Os motivos pelos quais eu amo viajar

16/01/2013

Toda vez que jogo na MegaSena (sintomas da pobreza) e alguém me pergunta o que eu faria se ganhasse, a resposta é invariavelmente a mesma: VIAJAR! Claro que com milhões no bolso o papo seria outro, primeira classe e tal, hotéis 6 estrelas, concierge 24hs e nada de data pra voltar. Aterrisando o aviãozinho, hoje fiquei pensando nos motivos pelos quais tanto amo fazer as malas e cair na estrada. Coloquei ‘no papel’ e vou dividir com vocês.

 

Ter lembranças com pessoas importantes para guardar pelo resto da vida

Então, a minha memória é mesmo péssima – só lembro das loucuras e viagens que fiz (graças a Deus, hahaha). E se há algo que me dá uma grande paz interior é ter lembranças inesquecíveis de viagens com as pessoas que amo. Pensa bem como é bacana um dia poder contar pros seus filhos e netos das viagens que você fez com a avó e a bisavó deles!! Eu sou fã desse negócio de misturar gerações e sair pelo mundo – só acho sensato misturar no máximo duas gerações na mesma viagem, mais que isso pode ser uma mistura explosiva…Um dia as pessoas se vão, mas as memórias ficam! E é impressionante o quanto a gente conhece a fundo uma pessoa quando viaja com ela, mesmo que seja alguém com quem você convive quase 24hs por dia há milênios.

 

 

Encontrar sem querer pelo caminho coisas que me interessam

Em viagens, me baixa o santo flâneur. Lógico que levo uma listinha básica de lugares que preciso-muito-ir-de-qualquer-jeito, mas os memoráveis são aqueles que surgem despretensiosamente pelo caminho. Sou apaixonada por sair batendo perna pela rua sem destino e fico que nem criança esperando as surpresas que vou encontrar numa ruazinha escondida ou dobrando a esquina. Seja uma livraria, uma loja de bonecas antigas, uma adega ou um brechó vintage, sempre me deparo com algo que é a minha cara e me faz ganhar o dia.

 

 

Relaxar como se não houvesse amanhã

 

Tem coisa melhor do que NÃO ter hora pra acordar nem obrigação nenhuma durante 30 dias? É por isso que tenho horror de turista frenético, que só pensa em pontos turísticos, que só quer fazer maratonas nonsense pra dizer que viu um milhão de coisas quando, na verdade, não aproveitou nenhuma. Viajar é relaxar!

 

 

Conhecer pessoas novas

Quem nunca se apaixonou durante uma viagem ainda não viajou o suficiente. Sério!!! Seja uma paixão relâmpago de quatro horas (tipo a que tive pelo guia que me levou a Fátima em 2012 com aquele sotaque portugueishhhhh) ou uma mais intensa com duração de alguns meses, não importa. O legal é conhecer pessoas novas, conversar muito com elas, praticar outro idioma e voltar cheio de novidades pra contar pros amigos. Gosto de usar o A Small World  e o Rent a Local Friend pra isso. Que delícia passar uma tarde ou noite de papo com alguém interessante que você nunca viu na vida! Não sei vocês, mas em viagens fico mais corajosa nesse quesito.

Me deparar com paisagens deslumbrantes

E perder o fôlego. Isso geralmente acontece em lugares que você nem imaginou que te surpreenderiam. Na minha última trip quase tive um treco com as vistas das fotos abaixo – a primeira em Nazaré, a segunda em Biarritz. É uma sensação gostosa de ‘eita mundão bem lindo e vasto esse’. E dá ainda mais vontade de conhecer todos os lugares possíveis antes de morrer.

 

 Comer SEM culpa

São duas opções: voltar rolando ou quicando. Não tem erro! E tirar uma infinidade de fotos de comida, que você jura por todos os santos que vai tentar imitar quando voltar pra casa, embora nunca faça isso. Comer sem culpa em viagens é um prazer supremo! Pedir no café da manhã, no almoço e no jantar, todos os dias, coisas que normalmente só come uma vez por semana e olhe lá. Desconfio de gente que faz dieta em viagens, hein! Isso não é de Deus…

 

 

Surpresas gastronômicas pelo caminho…

O primeiro pintxo basco a gente nunca esquece! Até hoje sinto vontade de chorar de tanta saudade quando lembro. Algumas surpresas gastronômicas criam raízes profundas no nosso coração. E aí você passa a planejar, por exemplo, maneiras de fazer tráfico de spaguetatta pro Brasil…

 

 

Entender que a vida é curta e deve ser muito bem aproveitada

Só saindo daquele esquema mórbido trabalho-casa-trabalho pra se dar conta do quanto a gente vive no piloto automático. No quanto a gente deixa de aproveitar o tempo livre e as pessoas queridas que nos rodeiam. Acho que em viagens a gente renasce e consegue se conectar com partes adormecidas da nossa alma.

 

 

Admirar vitrines sem nenhuma ânsia consumista

Nada contra quem viaja pra comprar, mas não tenho paciência alguma. Mas que é bom poder admirar vitrines luxuosas e já saber de antemão o que vai ser hit daqui a alguns meses, é. Ânsia consumista e viagens não combinam – que o diga a fatura do cartão depois!

 

 

Retornar a lugares que moram no meu ♥

Viajar é bom, poder retornar a lugares que você ama é ainda melhor. No meu caso, voltar a Londres é quase como voltar pra casa. Tudo ali faz sentido e é familiar: os bairros, o cheiro da cidade, o rosto das pessoas, o metrô, aquele festival frenético de novidades em todos os cantos.

 

Me sentir viva

Confesso: eu vivo pelos momentos em que posso cair na estrada! Nada me deixa mais feliz. Tem gente que diz que isso é fuga, mas só se for fuga da infelicidade!! Depois que a gente pega gosto pela coisa toda (da escolha do destino ao planejamento detalhado, da chegada até a partida) é basicamente impossível desapegar. Me sinto viva, viva, viva. E meu sonho de consumo é um ano sabático só viajando – se bem que, se conseguir realizar, as chances de nunca mais querer voltar são altíssimas…

 

Por último, mas não menos imporante…voltar pra casa!

E vocês? Por quais motivos amam viajar?

54 amaram.

Você também poderá gostar

14 Comentários

  • Responder Isabella Rodrigues 16/01/2013 at 11:49 am

    Oi Paula! Adorei sua matéria,sou como você,viajar para mim é a melhor coisa da vida! Conhecer lugares e culturas diferentes não tem preço!

  • Responder Cintia 16/01/2013 at 12:03 pm

    Acho que tudo se resume com “sentir viva”, cada decolagem faz com eu de um sorriso, mesmo que interno, e faz com que eu me sinta realmente viva! E sim, também vivo pelas viagens que faço! Eu já chego pensando na próxima.

  • Responder Carolina M R 16/01/2013 at 2:00 pm

    Esse guia é mto gato mesmo! Me apaixonei por 1 minuto aqui …!!! Hahaha

    • Responder Paula Sweetest Person Blog 16/01/2013 at 2:16 pm

      Hahahaha siim, e o sotaque, meldels…e os olhos eram verdes!!

      • Responder Cintia 17/01/2013 at 9:36 am

        Sotaque português é o que há! Delicia! haha

  • Responder Daiane 16/01/2013 at 5:57 pm

    Amei o post! Inspirador!

    Beijos

  • Responder candida carvalho 16/01/2013 at 7:29 pm

    Amo viajar…sem lenço e sem documentos….rsrs Pena…não ser possivel sempre ….A grana não permite!!!! bjoooo

  • Responder Pilar 16/01/2013 at 7:39 pm

    Nada melhor do que explorar o inexplorado, aprender novas coisas, descobrir cantos e se apaixonar, se apaixonar por uma rua, uma pasaigem, um lugar!

    Concordo 100% contigo: das 5 melhores coisas da vida, viajar é uma delas!

  • Responder Júlia Caires 16/01/2013 at 8:11 pm

    Nossa!!! Acho que foi o melhor post que já li. Super me identifiquei, adoro viajar. Abro mão de qualquer coisa pra sobrar dinheiro pra isso. Amo todo o processo, decidir o destino, planejar o roteiro, procurar passagens, hotel, tudo…
    Costumo dizer que nem preciso viajar mais de tanto que leio a respeito do destino, kkkkkk.
    Bjs.

  • Responder Viviane Rosa 16/01/2013 at 8:43 pm

    Só quem ama viajar para entender esse post. Adorei!

  • Responder Cybele Costa Moreira 17/01/2013 at 8:58 am

    Parece que o post foi escrito por mim.. Penso igualzinho!!!
    Beijo,
    Cy

  • Responder Nina Ponte 18/01/2013 at 12:13 pm

    Nossa! Você definiu completamente os sentimentos que sinto em viajar: simplesmente AMO!!! Sempre que posso e tiro férias viajo e não há renovação melhor e mais completa!!! Tem pessoas que não entendem isso, mas fazer o que? Essa visão é para poucos privilegiados! Beijos

  • Responder Lêda Villas Bôas 20/01/2013 at 6:36 pm

    Vc é fantastica!!! Beijoss!!

  • Responder Bolsas femininas Rosa Blanca 22/01/2013 at 1:50 pm

    Viajar é tudo de bom, imagina então viajar sem ter data para voltar!

  • Deixe seu comentário

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.