Dicas de viagem Restaurantes Viagem

Dica de restaurante japonês no Rio de Janeiro: Azumi

25/02/2014

Quem quer sushi com cream cheese, hot filadélfia e afins não vai gostar desse lugar genuinamente japonês e familiar. O cardápio não tem adaptações ocidentais. Jantei lá no último sábado e me apaixonei!! Dei de cara com Adriana Esteves (oi oi oi Carminha) e Vladimir Brichta e gostei mais ainda, rsrsrs. Falando sério: amantes de comida japonesa precisam dar um jeito de conhecer estando na Cidade Maravilhosa. A fachada é simples e despretensiosa – se bobear, a gente passa batido por ela. O Azumi é low profile do início ao fim. O que interessa lá é a comida, as frescurites com decoração, nariz empinado por parte so staff e coisas do tipo simplesmente não existem. Sentamos no balcão de grelhados e ficamos encantados com o chef preparando os pratos. Você pode sentar neste, no balcão de sashimis, nas mesas ou então reservar um tatame exclusivo e aconchegante. Diz o Google que a família Ohara faz questão de ensinar os pescadores como devem proceder quando acabam de pescar, como devem manter os peixes até serem levados ao restaurante. O barco pesqueiro se chama Azumi-maru. Outro diferencial é que os principais fornecedores do Azumi são japoneses e a casa conta com alguns fornecedores nacionais e internacionais exclusivos. Que tal?

 

restaurantes-japones-01restaurantes-japones-03

 

Pedimos nirá, guioza, vieiras grelhadas, niguiri de sardinha, shiitake na manteiga, tartar de atum, ostras e saquê para acompanhar. Ficamos nesse balcão da foto abaixo e, já aviso: você fica hipnotizado com os pratos e sente uma vontade incontrolável de pedir todos eles. Embora simples e autêntico, o preço é estilo Sushi LeblonExperiência única e inesquecível, daquelas que a gente quer repetir sempre que for possível. De-li-ci-o-so!!!

O Azumi funciona há 22 anos em Copacabana e a clientela é formada basicamente por frequentadores antigos e japoneses turistas ou residentes no Rio. Funcionários falando em japonês e TV’s sintonizadas em canais japoneses fazem parte do show. Por último, uma dica: pergunte qual é o especial do dia, pois nem tudo está no menu.

 

p

 

  • AZUMI
  • Rua Ministro Viveiros de Castro, 127, Copacabana,
  • ☎ 2541-4294 e 2295-1098, ↕
10 amaram.

Você também poderá gostar

4 Comentários

  • Responder Analice 25/02/2014 at 5:59 pm

    A fachada é tão discreta q a gte passa direto e nem percebe, passei mil x lá até me dar conta de onde era rs.

  • Responder Camilla 10/03/2014 at 3:25 am

    Lá é excelente mesmo! Fui em um aniversario de namoro e foi perfeito!! Comida super gostosa e diferente! Quando voltar ao rj experimenta o miako na rua farani ( nao confundir com o mizu, na mesma rua!!!) faz tempo que nao vou lá mas ele segue esse estilo low profile e japa de verdade com clientela japonesa!

  • Responder Ana Farias 25/03/2014 at 1:07 pm

    Mas tem que perguntar qual é o preço do especial também, Paulinha! Pra evitar surpresas desagradáveis na hora da conta. 😉

  • Responder SOY: o novo restaurante japonês de Copacabana 28/11/2016 at 7:57 am

    […] para os entendidos do assunto, costuma ser sinônimo de Azumi – tem post sobre ele aqui. O problema é o custo, $$$$. Por essas e outras, fiquei felicíssima ao descobrir o SOY, na rua […]

  • Deixe seu comentário

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.