Bafão Myself

As partes boas e ruins de ter um blog

03/05/2010

Tenho me visto em situações meio loucas por causa do blog. E isso cansa, consome energia – e, em alguns casos, me tira do sério. Até o início de 2009, blog, pra mim, era sinônimo apenas de coisa boa. De diversão. De amigos. Mas 2009 foi o ano em que as coisas começaram a acontecer numa velocidade alucinante para todo mundo que começou a blogar lá em 2007. Reconhecimento? Pode ser. Mas junto com isso, a parte ruim de ter um blog veio junto. Vamos por partes, como diria Jack, O Estripador! 🙂

Parte Boa 1: Amigos. Parte Ruim 1: Inimigos ocultos.
Os amigos que a gente faz através do blog são pra vida toda. Pessoas que se atraem em função de interesses comuns. De visões de mundo parecidas.  Gente boa, pra guardar no coração, ajudar e ser ajudado sempre que precisar. Que vibra contigo a cada vitória e te ajuda a juntar os cacos após as derrotas. Até amigos das antigas que você não via há anos reaparecem. Uma delícia.  Já os inimigos ocultos (ou não!) surgem nos locais mais improváveis pelos motivos mais impensáveis. Você começa a ser odiado e nem sabe porque. Tudo é motivo pra causar surtos psicóticos em alguém. Melhor exemplo disso, no meu caso, foi aquele post em que indiquei alguns blogs que gosto, fora do ‘circuito-padrão’. Muita gente não consegue entender que o que é escrito aqui não tem intenção de ofender ninguém e que é meio ridículo levar pro lado pessoal algo que uma pessoa que você nem conhece ao vivo escreveu. Só depois de muita porrada virtual – e real- de gente insana é que dá pra criar uma casca grossa, ligar o f..$%% e ser feliz

Parte Boa 2: Elogios. Parte Ruim 2: Fofocas e boatos.
Quando pessoas cujo trabalho você admira te dizem que admiram o teu trabalho, parece até que surgem nuvens debaixo dos pés. É meio surreal saber que pessoas ‘fodásticas’ (por falta de adjetivo melhor, ou então, bafônicas) prestam atenção naquilo que você vem produzindo. E ser tratado de igual pra igual por profissionais de renome é demais. E mais legal ainda é receber carinho das leitoras, contando que um post as ajudou em algum momento ou situação da vida. Acho o máximo isso. Ruim é ficar sabendos dos absuuurdos que o povo fala de você a troco de nada. Ter que aturar boatos infantis e atitudes dignas de filmes de high school americanos. Cansa a beleza. Toda história tem dois lados. Antes de acreditar em um, é preciso tomar conhecimento dos dois. Dou muita risada quando fico sabendo de fofocas cabeludas porque, no geral, as pessoas esquecem que sempre há alguém que conhece alguém que vai contar pra vítima da maldady. Depois, não adianta se fazer de Madalena arrependida,ok? Não curto fingimento. Bem disse a Carolina Dieckmann na RG Vogue: “Pisou no meu calo, eu deleto mesmo!”.

Parte Boa 3: Sinceridade. Parte Ruim 3: Hipocrisia.
Todo mundo erra. Eu incluída. E tendo um blog acessado por milhares de pessoas todos os dias e colocando a cara a tapa, você VAI receber uns tapas de sinceridade. Que são ótimos, porque te recolocam nos eixos. Que são válidos, porque vêm de pessoas que te acompanham há anos e sabem quando você está legal e quando não está. Porém quando a turma dos hipócritas de plantão ataca, sai de baixo! Esses dias até me choquei. Algo que uma pessoa que ama ficar dizendo por aí o quanto sente nojo do fato de muitos blogs receberem produtos pra testar e escrever sobre eles fez  me surpreendeu. Como dizem aqui no Sul, me caiu os butiá do bolso. Ela escreveu uma resenha babando o maior ovo num produto X . Detalhe: a marca do produto X mandou email pra mim e pra várias blogueiras oferecendo esse produto se nos comprometêssemos a escrever um belo post sobre ele. É claro que dissemos não. Hipocrisia sucks.

Parte Boa 4: Ética. Parte Ruim 4: Falta de ética.
Não me sinto competindo ou concorrendo com ninguém. Vou crescendo conforme os passos que consigo dar com as minhas próprias pernas. Não tenho nem tempo pra me prestar pro papelão de tentar puxar o tapete alheio. Tem espaço pra tooodo mundo na internet, convenhamos! Escrever um blog é colocar a SUA personalidade num espaço online, por isso não acredito em concorrência. Quem se foca em bom conteúdo, se esforça, coloca algo se si no blog e escreve pelos motivos certos, tendo talento, vai bombar – é só questão de tempo!  Já falei no Twitter antes e repito aqui: não respeito quem não tem ética.

Parte Boa 5: Gente do bem. Parte Ruim 5: Segundas Intenções.
Assim como muitas pessoas do bem entram na nossa vida pós-blog, muitas pessoas do mal tentam entrar. Estas, geralmente tiram a máscara quando você precisa dizer não para algum pedido. Odeio, com todas as forças, segundas intenções. E não sei qual é a fórmula pra ficar rica e famosa com blog – não sou nenhuma das duas coisas.

Parte Boa 6: Comentários. Parte Ruim 6: Comentários agressivos.
Não existe sensação melhor para um blogueiro do que publicar um post e receber vários comentários interessantes, educativos ou que acrescentem alguma informação ao mesmo. Amo isso. E não há coisa mais desgradável do que receber comentários ‘amorosos’ contendo palavras de baixíssimo calão e te chamando de coisas impublicáveis. Não sei quem me disse uma vez que aceitar esse tipo de comment é o mesmo que abrir a porta da casa e oferecer o sofá para alguém que chega dizendo horrores. Simplesmente não rola. E pelo amor do santo, existe identificador de IP – então não deixe um comment suuper amigo e depois outro com codinome “Maria da Silva” com o exu baixado no corpo. Please.

Parte Boa 7: Poder extravasar. Parte Ruim 7: Ser mal interpretada.
Logo que entrei  pro Twitter, não via muita graça. Hoje, sou viciada. E meu ascendente em sagitário me coloca em maus lençóis. Às vezes extravaso mais do que deveria. Pronto. Basta uma vírgula mal colocada pra rolar aquele stress.

Parte Boa 8: Assédio de marcas. Parte Ruim 8: Assédio de marcas.
Um  indício de que o seu blog é bem cotado é começar a ser contatado por marcas sérias. Aqui só aparece o que eu gosto muito, compro e uso – e ponto final. Quando marcas das quais sou consumidora me contatam, acho o máximo! Porém, surge cada proposta-diabo Li aqui que “mídias sociais é um eufemismo para ‘vamos botar esses idiotas para trabalhar de graça’“. Quem nunca recebeu propostas de ‘um post por um batom’, ‘quero enviar uma caixa de fósforo para sortear no seu blog’ e coisas do tipo? Recebo dezenas por semana. Aí, acho que cabe ao blogueiro saber respeitar a si e aos seus leitores. Vocês já viram alguma marca que não tem nada a ver com os meus 3 anos de blog entrar no Sweetest?? Não, e jamais verão. Até mesmo as propagandas banners– que o blog possui são analisadas e aceitas com muito critério. Se deslumbrar com um kitzinho, um batonzinho ou um brindezinho é típico de quem está sendo usado e não percebe. Ou finge que não percebe. Indico a leitura de dois ótimos artigos sobre este tema: clique aqui e clique aqui. E mais: respeito é bom! Algumas marcas, assessorias e cia. mandam emails dando ordens. Por favor e obrigada continuam sendo clássicos universais.

Parte Boa 9: Profissionalismo. Parte Ruim 9: Falta de profissionalismo.
Continuando o tópico anterior, uma das melhores partes de se ter um blog além da troca de experiências com as leitoras e os grandes amigos que surgem, é lidar com ótimos profissionais. Já tive experiências maravilhosas com grandes agências, publicitários, diretores de marketing, RP’s… Eles sabem que cuidar de um blog  – para quem, como eu, considera isso um segundo job! – dá um trabalhão danado e demanda muito tempo, cuidado e investimento. Sendo assim, valorizam isso e te respeitam muito. E a pior parte ever é ter que lidar com falta de profissionalismo de qualquer espécie. Alguns blogueiros que trabalham em agências usam o email da agência para contatar outros blogs  pedindo dados estratégicos como se fosse do interesse da agência quando, na verdade, só querem ter acesso ao teu material para copiá-lo e xeretá-lo. Muito cuidado gente, na hora em que te pedem um midiakit! Ainda, rola muito amadorismo em certos Twitter’s e SAC de marcas legais! Quem está atrás da tela geralmente é outro blogueiro que sequer repassa para a marca o seu contato. Falta total de ética, fazer o quê? Acho que só no Brasil acontece esse tipo de coisa. A Bárbara explicou bem a diferença entre blogs brasileiros e gringos aqui.

Parte Boa 10: O céu é o limite . Parte Ruim 10: Povo que ‘faz a egípcia’ .
Invistam em networking. O céu é o limite quando você tem boas idéias, mas é preciso ter a quem apresentá-las. Já criei vários projetos off-Sweetest que se tornaram realidade. E ter criado um blog estimulou demais meu lado empreendedor e realizador – que, antes do blog, eu mal sabia que possuía! A gente é muito mais capaz do que imagina. O negócio é ter a idéia, colocar no papel e depois correr atrás. Não adianta ficar sentado esperando um contato imediato de terceiro grau ou que alguém reconheça o seu talento. Esforço, suor, dedicação!! Sim, você vai se deparar com quem ‘faz a egípcia’. Não dê bola e continue indo atrás dos seus sonhos! Quando negam credencial pra eventos como SPFW e Fashion Rio, quem sai perdendo?? O evento, que vai perder mídia espontânea. Não esqueçam que rola muuuita falcatruagem e puxação de tapete no mundo da moda – e tentem não se importar tanto com isso.

Vamos debater nos comments?? Quero muito as opiniões de vocês, leitoras e blogueiras!

Em tempo: graças a Deus que as partes boas superam as ruins. Como bem disse minha escritora portuguesa favorita, Inês Pedrosa: “As pessoas nos surpreendem mais para o bem do que para o mal, por isso nunca me canso de viver“. Isso define, com maestria, tudo o que eu escrevi aí acima. Continuo amando muito blogar e dividir minha vida com vocês!! Agora em maio, se Deus quiser, meu segundo blog entra no ar – e, com ele, vocês irão me conhecer 100x melhor! 😉

7 amaram.

Você também poderá gostar

169 Comentários

  • Responder cibele azevedo 03/05/2010 at 8:54 am

    Que lindinhaa! Ficou ótimo o post! Conheci teu blog através do Twitter, que por sinal sou mega viciada, e agora tô lendo os posts antigos hahaha.

  • Responder Barbara Resende 03/05/2010 at 8:54 am

    Nossa…agora que li o post completo, ficou melhor ainda! Acho que suas palavras se encaixaram perfeitamente! E a frase da Ines Pedrosa no final fecha tudo! Parabéns! bjs!

    obrigada por citar meu blog!

  • Responder Dai 03/05/2010 at 9:02 am

    ai, é tanta coisa pra comentar depois desse super posts que nem sei por onde começar!rs
    1- quando vi pelo twitter que a credencial para a Bárbara havia sido negada eu fiquei pasma! O blog dela é ótimo e tem TUDO a ver com os eventos de moda. E como vc disse, quando eles negam quem tem a perder são eles, é o evento e não a gente. A gente já tinha o não antes de tentar a credencial, o “sim” seria lucro.
    2- Tem empresa que acha que blogueira é mendiga e palhaça. Esses tempos recebemos (eu e a Mari) SACHÊS de amostra grátis de uma empresa para resenharmos no blog. Achei uma postura horrível da empresa.
    3- Realmente ter blog tem os pontos positivos e negativos, igual vc disse. A gente acaba ficando exposta e as pessoas que não são muito do bem ficam criando fofocas em volta das blogueiras. O que acontece muito também são blogueiras que tem vergonha de se arriscar em um projeto e quando vem outra com o msm projeto mas que teve o empreendedorismo de realizar e deu certo, a primeira fica com inveja inventando e falando coisas a respeito.

  • Responder Marina 03/05/2010 at 9:04 am

    Parabéns pelo post!
    Você disse tudo e deixou bem explicadinho.
    Blogueiros iniciantes que acham que basta criar um blog postar pouco, e que ficaram ricos com isso. Tem a triste ilusão no final. É preciso batalhar bastante para conseguir o sucesso e passar por todas essas fases citadas no seu ótimo texto.
    Beijos

  • Responder Vanessa 03/05/2010 at 9:04 am

    Então, não tenho um super blog como o seu (eu acho super, tá?!). Embora eu blogue desde os primórdios da internet e já tenha passado por millhares de servidores eu compartilho inteiramente da sua opinião. Eu nunca tinha visto o blog como uma coisa profissional, sei lá…era apenas uma válvula de escape.
    Talvez essa minha crise de formanda desempregada numa área que, onde eu moro, todos os leigos e não leigos no assunto acham que tem emprego aos montes tenha me feito atentar a isso. Resolvi dar um direcionamento novo aos meuS blogS e me inspiro em blogs de boa qualidade que vejo por aí, como o seu, por exemplo.
    O fato é que mesmo com um blog quase anônimo, eu já reconheço e me identiquei com boa parte dos prós e contras que você escreveu. Geralmente não comento aqui, mas sempre vejo as novidades, as promoções, as “twitadas”..enfim!
    Vida longa ao Sweetest *.*
    Beijos, querida!

  • Responder Andrea S 03/05/2010 at 9:04 am

    Ando bem chateada, até mesmo pensando em parar com tudo!
    Como você disse: isso consome a energia da gente.
    O que mais me incomoda é a cópia e afetação – de gente que na real nem precisa fazer isso!
    Uma pena! Porque fiz o blog sem ambição nenhuma, só para postar coisas que eu gosto.

  • Responder Dani Valente 03/05/2010 at 9:10 am

    Tudo bem que tudo na vida tem o lado bom e o lado ruim, mas algumas coisas do lado ruim poderiam ser evitadas se as pessoas fossem mais generosas, éticas e menos maldosas e invejosas. Acredito que devemos, sim, deletar, a todo custo, essas partes ruins. As vezes é difícil, eu sei, mas se fica dentro da gente acaba nos envenenando e nos dominando. Adorei ler o post. Justamente hoje que pretendo voltar a escrever no meu blog. Parabéns pela coragem!
    Bjs, Dani.

  • Responder Junia Miranda Goncalves 03/05/2010 at 9:12 am

    Oi Paulaa!
    Olha concordo com suas palavras em cada detalhe, acho que o ser humano tem instintos, nem sempre bons ou ruin, mas a inveja tambem causa o manifesto destes instintos.
    A internet tem sim espaco para todos, obrigado por nos inspirar todos os dias.
    bj bj
    Junia

  • Responder Tati Regadas 03/05/2010 at 9:13 am

    Parabéns pelo post. Não conhecia seu blog, sem querer descobri você pelo Twitter e te sigo desde então. Bom saber que no final do dia a gente ainda pode contar com pessoas bacanas e coisas boas que nos fazem continuar! Bjinhos

  • Responder Fê Borges 03/05/2010 at 9:29 am

    Ah, olha vivemos em mundo onde existe muita inveja, muita competição, falta moral e educação a muitos. Hoje tenho dúvidas da capacidade até da melhor amiga de conseguir ver você bem e feliz sem que você sinta uma descarga de raios e trovoadas vindo do olhar da dita. Confesso que quanto mais eu estou feliz, mais eu tenho vontade de me enfiar numa caverna e viver como hermitã. Felicidade, sucesso, amor, saúde, são coisas tão raras hoje em dia que poucas pessoas costumam aceitar isso em outras que não elas mesmas. Aquela verdadeira definição de inveja “Se eu não posso ter, também não admito que você tenha”.
    Ja é difícil viver no mundo real com toda essa carga negativa, imagina no mundo virtual onde as pessoas pensam que conseguem se esconder atrás de pseudônimos, onde é fácil descarregar todo a energia negativa e covardia por trás de uma tela e um teclado? Se pelo menos as pessoas se sentissem mais aliviadas depois disso, até valeria como terapia né? Daí além de blogueiras rolaria uma credencial de psicoterapeuta…
    Mas não tem jeito, quanto maior o sucesso, a alegria, maior será a frustação e inveja no mundo que te rodeia, não tem jeito. O lance é se cercar de energia boa, tentar não absorver e ignorar todo esse negativismo e ir adiante, mesmo porque pessoas que te criticam existem aos montes, mas não existe nenhuma que vai te ajudar a caminhar, crescer e a se levantar se algum dia for preciso. Nesse aspectos somos sozinhos e sempre seremos.

    Ah, melhor ir parando por aqui…

    Beijos

  • Responder Camila 03/05/2010 at 9:34 am

    Oi linda!
    Gostei demais de ler tudo isso! Eu montei um blog há pouquíssimo tempo e ainda estou na fase de comentários fofos e novos amigos hahaha… Não pretendo fazer dele um negócio… Aliás não pretendo nada com ele! hahaha.. Ele surgiu como um disco virtual onde guardo as imagens que vou caçando pela internet sobre casamento e decoração, ao invés de ocupar o meu HD, simples assim!
    De qualquer forma, é bom conhecer as experiências alheias e se preparar para o que pode vir né?!
    Um beijo, muito sucesso e bênçãos do Senhor pra você viu! =) ♥

  • Responder Juliana 03/05/2010 at 9:35 am

    Oi Paula!
    Meu blog é super novo, acabo não tendo esses problemas ainda, porque meu público até agora são minhas amigas da vida real, mas já vi mtos blogueiros q reclamam das mesmas coisas q vc… Isso td é mto chato, pq alguém só lê oq quer ler, então se não gosta, a pessoa deveria simplesmente não voltar naquele endereço! Mas pessoas “ruins” existem em qq lugar, em qq trabalho, etc!
    Mas o mais importante é como a frase q vc deixou no final mesmo! E ligar o fod***, pra ser feliz!
    E eu ADORO seu trabalho!!!
    Bjos!

  • Responder Tatiane Alves 03/05/2010 at 9:37 am

    Oiii,
    sempre venho aqui, porém nunca comento, mas adoro quando você fala assim, porque da um chega para la, naquelas pessoas “doidas” que so querem ver a outra se lascar.Parabens e continue sempre arrasando nos post.
    Beijos

  • Responder Venenosa 03/05/2010 at 9:44 am

    Flor, quero primeiro agradecer. Vc não tem idéia o quanto esse post é importante para blogueiras que estão começando, como eu. A gente tem mtos objetivos, mtos sonhos e é muito importante prever o que vamos enfrentar pela frente. Levo muito a sério o trabalho com o blog e concordo com tudo o que você disse. bjinho

  • Responder Claudia Speroto 03/05/2010 at 9:44 am

    Menina, vc disse TUDO e mais um pouco e foi simplesmente PERFEITO!!!

    Acredita que outro dia recebi um email de uma empresa “lado B” perguntando qto eu cobraria para falar BEM do produto deles?!! AFF, né?! Recebeu uma resposta a altura!!

    Se todas as blogueiras pensassem como nós seria tão perfeito!!!!

    Bjão e continue sempre agindo assim, com o coração!
    Clau Speroto

  • Responder Ana Carla Araujo 03/05/2010 at 9:44 am

    Paulinha
    Esse mundo virtual me trouxe otimas coisas e por enquanto poucas chatices.
    O prazer de conhecer pessoas legais como vc so me trazem alegria.
    Não de importância ao loucos da web isso é falta do que fazer.
    bjos

  • Responder Priscila Antunes 03/05/2010 at 9:44 am

    Adorei o post, concordo com cada linha escrita!
    Já sofri demais por julgamentos de pessoas, qdo vim morar nos EUA, amigos e até mesmo familiares distantes faziam fofocas do tipo, ela virou as costas pra todos, ficou rica, entre outras abobrinhas.
    No começo sofri demais mas, depois percebi que era bobagem sofrer por causa de pessoas pobres de espirito.
    Muito provavelmente, muitas delas não tivereram e não terão a oportunidade de passar pela mesma experiência que estou tendo, por isso não imaginam que passamos por N coisas, tais como: estar longe da familia, não ter amigos pra conversar e desabafar, ter que abrir mão das mordomias que temos no Brasil, etc..
    Aprendi a ter foco e me preocupar com coisas mais importantes, meu futuro é muito mais importante que dar trela pra fococas!
    Bye 🙂

  • Responder Débora Motta 03/05/2010 at 9:48 am

    Paula, concordo com tudo!
    Na verdade, os blogs acabam mesmo sendo uma extensão da vida. Acabamos colocando ali, em pequenos (ou não tão pequenos) espaços um pouco do que somos, sentimos, pensamos, vivemos…
    E assim com na vida, nem tudo são flores…
    Acho que o segredo está mesmo em saber separar o que nos interessa e acrescenta e o que queremos deixar do lado de fora da porta.
    Ficar com o carinho, com as amizades que aparecem, com a criticas que nos fazem crescer etc…
    O resto é o resto e não podemos deixar entrar mesmo!
    Não deixar que miudezas alheias nos tirem do prumo!
    Eu admiro teu trabalho há muito tempo e sei a pessoa legal que és! Para mim é o que importa!

    Como disse o poeta: ” Tudo vale a pena se a alma não é pequena”.

    Beijo, Débora.

  • Responder Adriana Gonçalves 03/05/2010 at 9:50 am

    Tenho um blog há apenas 2 meses, resolvi começar por diversão, para falar das coisas que gosto… não tenho qualquer pretensão de fama ou riqueza com isso!
    Mas tenho ficada bastante assustada com as coisas que vejo em blogs mais experientes, pelo pouco tempo de vida, ainda não tive nenhum problema dos que você disse, mas por visitar vários blogs por dia tenho visto que esses problemas são bem comuns!
    Mas acho que eles acabam sendo resultado de um trabalho bem feito, coisas legais geram uma certa revoltinha, porque para algumas pessoas é sempre mais fácil criticar aquilo que não conseguem ser do que se esforçar e tentar fazer algo melhor!;)
    Bjocas

  • Responder Silvia 03/05/2010 at 9:52 am

    Maravilhoso post. O mundo virtual reflete o mundo real e, infelizmente, há pessoas maravilhosas como você e outras com um energia tão legal. Continue com seu lindo trabalho e sendo essa pessoa doce – the sweetest – que nós adoramos! E não dê bola para vibração ruim!
    bjos

    Silvia

  • Responder Thiago 03/05/2010 at 9:53 am

    Tem o que dizer? Não, né? Disse tudo, falou tudo! O pior é saber que realmente ainda existem blogs que aceitam e falam bem de algo que é péssimo. Isso é mal caratismo e, sem querer, você faz pessoas, que não têm lá tal condição, gastar o pouco que têm com porcaria. E midia kit? Liga no meu 0800-IP! Parabéns Paula e ligue sempre F&&&ˆˆ%^ e #GOGIRL! beijãoooo

  • Responder Mirella Garcez Sousa 03/05/2010 at 10:00 am

    Nossa Paula,no blog é como na vida se passa por cada uma!!!Não pensei q o lado ruim fosse tão ruim…tinha vontade de ter um blog,mas depois dessa..kkkkkk
    Mas adorei o post,é muito verdadeiro…fica fria em relação a essas pessoas más…pq p ser assim tem q se ruim mesmo…ah!e tb tem que não ter o que fazer!
    Seu blog é ótimo,nunca fui de olhar blogs,até conhecer o seu q adoro…e atraves do seu conheci e tb são os unicos que eu visito:o 2beauty,o diadebeauté e tem mais dois que conheci acho que atravez do delas o chatadegalocha e o maisquebonitas…mais o seu foi o primeiro e o primeiro não se esquece..
    gosto muito do blog e da sua forma de escrever as coisas,muito divertido e inteligente…
    e pra esses que não tem o que fazer:vaõ se catar!!!!Não gosta então não entra!é simples!!!
    kkkkkkk
    Paula,use o ruim p vc rir…pq se não fosse triste seria cômico !

    bjossssss
    fica com Deus!

  • Responder alda 03/05/2010 at 10:03 am

    Pois é amiga a vida é isso… sombra e luz, força negativa e positiva, faz parte!
    Como te acompanho desde o comecinho sei que teus valores são bons, que não é uma alpinista não vida real e nem na virtual, como já tinha dito pelo twitter sobre uma palavra que te definia “BATALHADORA”, eu penso que o sucesso do blog, ou seja, o teu sucesso, se deve a esse seu trabalho e dedicação constante! então se apegue a isso quando o astral baixar e/ou bater aquele desânimo, saiba que existem mais pessoas que te apoiam do que as que querem te ver mal.
    bjão grande

  • Responder 03/05/2010 at 10:04 am

    Sou leitora parabenizo seu bom senso e acho ri-dí-cu-lo esses comments maldosos de quem não tem mais o que fazer!
    Pra mim não tem oq debater: é isso aí o que vc falou!!!!!!!!! Concordo 100%
    bjs

  • Responder Natacha Mafra 03/05/2010 at 10:04 am

    Ameiiii o post!!!!!! Essa é toda a realidade do mundo blogueiroo!! Você escreve mto bem! Parabéns! Já tive um blog com coisas para os blogueiros e sem bem oq é isso! Agora to criando um pessoal, e espero que fiquei tudo tranquilo por la! rs
    Beijos

  • Responder Carol Prata 03/05/2010 at 10:07 am

    Paula, eu realmente gostei do post, e me fez pensar inclusive no porquê parei de postar no Blog Rainha Louca…Estava em um momento recebendo uma penca de e-mails rancorosos, e algumas propostas ridículas de algumas marcas, que infelizmente me fizeram perder o prazer de escrever o blog (o que eu lamento muito todos os dias). Eu torço muito pelo Sweetest, que leio sempre, e desejo muita força prá você, porque tem horas que não é mole não! Hoje estou preparando o Blog que escrevia para uma mudança radical de conteúdo, para quem sabe assim eu recupere o prazer de falar sobre as coisas que gosto. Beijo grande!

  • Responder Ester Scotti 03/05/2010 at 10:10 am

    Foi quase uma catarse pessoal ter lido esse post agora! Eu e a Taidje aqui do GG debatemos muito sobre vários pontos que tu mencionou no teu desabafo. Quando fizemos o blog, queríamos expressar nosso lado pessoal de ver a moda, compartilhando com as outras pessoas as nossas visões pessoais. No entanto, há muita gente que interpreta mal isso e faz da internet um campo de batalha. Hipocrisia, falta de ética e de profissionalismo, sem falar nas segundas intenções são realmente coisas que vemos diariamente. Como se a internet não tivesse espaço pra todo mundo.

    Apesar de pouco tempo na blogosfera, já caímos em armadilhas furadas e já fomos vítimas de sacanagens inclusive por quem se diz sincera e amiga. Tem gente que vem ao mundo parece que pra consumir a energia boa dos outros. Disputando sempre, ferindo sempre. E isso é muuuuito chato.

    Enfim, acho que o prazer por se expressar livremente e de ver a mudança que nossos blogs são capazes de fazer na vida de muitas pessoas são o que mantêm a gente viva e otimista sempre! Saudações pelas palavras

    Beijo

  • Responder Mary Party My 03/05/2010 at 10:33 am

    disse tudo … marcas querendo ser donas dos nossos blogs por um misero brinde nãoooo eu sou sua leitora e tenho blog relembrei vários episodios que aconteceram comigo
    enfim gostamos de blogar mas com respeito né

    bjokas amoooo o sweetest!

  • Responder Zabéti 03/05/2010 at 10:34 am

    Paula!

    Gostei mto do post. A grande verdade é que quem faz sucesso, normalmente, é alvo de inveja. Simples assim! Inveja existe, todo mundo sente… Quem diz que não sente, está mentindo. Todavia, essa inveja pode despontar como admiração ou agressividade, dependendo da loucura da pessoa. Acredito, piamente, que quem acesse, deliberadamente, teu blog diariamente e te agride só pode ter sérios problemas emocionais. A escolha de acessar é dela, a escolha de ler é dela e a escolha de comentar é dela. Dá pra dizer o que se pensa, de forma polida.

    Nos vários blogs que eu acompanho (e o Sweetest é um deles) existem coisas que eu adoro, outras que gosto médio e outras que não gosto e que acredito que outras pessoas irão amar. E só quem bloga sabe da dificuldade de produzir posts de qualidade, em larga escala. Quem escreve, querendo ou não, passa a ter responsabilidade pela exposição da sua ideia e são poucas as pessoas que têm coragem de fazer isso. Li no Blog da Chynthia Verri recentemente, algo mto bacana (e que se aplica a ti, Paula) que diz: raro é ter coragem! E tu tens, queri.

    Bjssss

  • Responder Indy 03/05/2010 at 10:37 am

    Eu sinto vergonha de pessoas que não tem muito conteúdo e fica olhando os blogs alheios e copia! A internet é um mundo, e com certeza tem espaço pra todos! Hoje aconteceu no nosso site isso, de postarmos algo e ver que outra pessoa copiou e fez o post correndo sabe? Pra parecer que já estava planejado. Sinto muita raiva disso .. mas sinto mais pena! Faltam pessoas boas, dignas, justas e principalmente que tenham boa índole. Tudo tem seus prós e contras não é?
    Não vejo problema de ver algo legal em algum lugar e comentar isso no blog, porém quando a pessoa já tem um histórico trash .. só lamento!

    Beijos!

  • Responder Camila Irala 03/05/2010 at 10:39 am

    Ai bee, ninguém merece certas coisas né, eu blogueio por diversão, quem sabe um dia não recebo financeiramente em troca disso, mas sei que agora não é hora porque não tenho TEMPO para me dedicar ao blog, infelizmente, e mesmo assim me abriu taaaaaaaaaantas portas e me fez conhecer tanta gente que não me canso!
    Esses tempos fiquei sabendo sobre uma blogueira que fechou o blog porque ficou decepcionada com a falta de retorno financeiro e profissional, se isso fosse a unica coisa que vale no blog, não existiriam um terço de blogs por aí né não?
    E volta pra São Paulooooo, se eu fizer um encontrinho vc vem? HAHHAHA adoro!

  • Responder Denize Wanderley 03/05/2010 at 10:44 am

    Minha solidariedade e meus parabéns pelo desabafo tão bem escrito!!!
    Não conhecia seu blog, mas já virei fã e me increvi.
    A inveja é a pior erva-daninha deste mundo!!!
    Tem gente que não suporta ver pessoas bonitas, inteligentes, felizes que já vai logo colocando as garras de fora e destilando o veneno.
    Não esquenta, estamos do seu lado.
    A vida se encarrega de afastar as pessoas do mal.
    Não desista dos seus sonhos!!!
    Beijo, beijo, beijo.

  • Responder Julia 03/05/2010 at 10:44 am

    Oi Paula!
    Tudo bem?
    Achei que o post resumiu muito do que anda acontecendo entre os ditos “beauty/fashion blogs”.

    Não vejo isso como um perigo para os blogueiros. Isso afeta mesmo as marcas que trabalham de forma “vulgar” fazendo com que blogueiros sem muita experiência se prostituam em troca de caixas de fósforo ou batons de R$1,99.
    Os consumidores costumam avaliar o veículo onde a marca está presente, não é mesmo? Mas de qualquer maneira tem espaço e público para todos. A marca é que deve saber como se posicionar, qual público ela quer alcançar… =)
    Beijos;
    Julia.

  • Responder Patricia 03/05/2010 at 10:48 am

    Paula sempre vão haver pessoas “do bem” e pessoas “do mal” é inevitável!!! Que bom que as partes boas superam as ruins, isso é o mais importante!!!

    Trust your gut and ignore the bullshit!!! 🙂

  • Responder Debora bessa 03/05/2010 at 10:54 am

    Adorei o post! O seu blog é ótimo! Não ligue para os invejosos e gente que não vale a pena. bjs!

  • Responder Fabiana Ebert 03/05/2010 at 10:58 am

    Oi Paula!
    Nossa menina, super oportuno esse seu post. Voltei ao Brasil definitivamente apos anos e anos trabalhando na Asia e outros lugares e estou me organizando para iniciar meu blog. Na China eu nao tinha como pois muita coisa era censurada, por exemplo, blogspot nem abria lah em 2008/2009.
    Estou na fase de visitar muitos blogs para saber o foco que vou dar, pois sao muitas ideias e conhecimento que quero dividir, coisas que pude viver por morar fora e quero compartilhar. Mas… vendo muitas criticas e “brigas” de ego em varios blogs, comentarios maldosos, falta de educacao, etc… eu tive muitos momentos de duvidas, tipo: vou querer esse stress para mim?
    Mas a vida eh assim: agradamos a uns e a outros nem tanto. Pena que quem a gente desagrada muitas vezes nao fica simplesmente quieto, tem que partir para a agressividade, neh?
    Eh bom separar o joio do trigo nesses momentos… adoro o teu blog pois tem muita informacao legal e sao coisas que tu gostas. Eh uma extensao da tua personalidade.
    To louca pra conhecer esse teu 2o blog!
    Abracao e sucesso sempre

    Fabi Ebert

  • Responder Viviane Andrade 03/05/2010 at 10:59 am

    Linda, você parece ter a capacidade de ler meus pensamentos e conhecer meus sentimentos! Tudo de bom esse post!

    Claro que pra mim, em proporção menor, já que não me dedico tanto quanto você nem tenho todo o teu talento. Você está de parabéns! É isso mesmo: Cada um tem sua própria identidade e sem essa de competição. Com respeito e cada um pelo seu ao inves de contra o do outro é muito mais legal.

    O que acho mais legal é exatamente é toque pessoal de cada um, o que torna o mundo dos blogs uma delícia (ou, dependendo das pessoas, um saco, né? Assim como a vida real…)

    Bjins

  • Responder Camila R. 03/05/2010 at 11:01 am

    Paulinha,
    seu blog faz parte da minha leitura diária de sites da internet! Não deixo comentários todos os dias (shame on me!) mas isto é algo que eu tenho que trabalhar comigo mesma, em um sentido mais amplo, mas voltando ao assunto…Acho que você equilibra bem assuntos como moda, maquiagem, literatura, divagações sobre a vida e tudo mais! Como tudo na vida estamos sujeitas às pressões positivas e outras nem tão positivas! Gosto de pensar que tudo que está tentando nos empurrar para trás nos dá a oportunidade de evoluir e nos superarmos. E você mostra através dos seus posts que os pontos negativos tem sido superados…sempre!Parabéns pelo post de hoje acho que aplica-se à tudo na vida. Parabéns pelo blog e muito sucesso em todas as suas empreitadas! Beijos, Camila

  • Responder Raquel 03/05/2010 at 11:05 am

    Oi Paula!
    Nunca comento (sou meio preguiçosa, sorry!) mas to sempre lendo…
    Então, só queria dizer que gosto muito do blog! Sempre vai ter gente pra criticar, principalmente por inveja, mas não te abala guria!
    Acho tão simples fechar a janelinha de um blog que eu não gostei… E se eu gosto do blog mas não concordo com o que foi dito em um post, não sou obrigada a mudar de opinião. Maaaas, posso discordar com educação!
    Pra mim, o que falta no mundo é bom senso e respeito! Mas fica tranquila que a maioria das tuas leitoras te apóia e curte o teu trabalho no sweetest!
    Bjos

  • Responder Cíntia Andrade 03/05/2010 at 11:11 am

    Nossa, eu não tenho blog, mas acompanho muitos…e eu nem imagina que era desse jeito…admito que achava que era as mil maravilhas ter um blog bem requisitado e ganhar produtos para sortear com as leitoras e tal. Muito interessante esse seu post, porque mostra para leigos (como eu) o que é realmente ter um blog. E continuo a dizer, eu adooro muito seu blog, tem muita coisa interessante e eu adoro lê-lo! beijão

  • Responder Fernanda Siepierski 03/05/2010 at 11:11 am

    Nossa, amei o post…

    eu tenho um site de livros, sou colaboradora em outro e ainda tenho um blog…

    Acho q nao adianta fazer propaganda para os outros! Acho mais facil eu procurar as marcas que eu gosto do que esperar que marcas nada a ver comigo me procurem.

    mas o pior mesmo sao os comentarios de baixo calao… nao sei porque as pessoas acessam as paginas soh para insultar (bando de mal amados, talvez?)… e falta muita educacao… criticas sao bem vindas quando elas sao bem colocadas e argumentadas de maneira clara e limpa… insultar de maneira baixa soh faz com que o comentario vah parar na lixeira…

    acho que nos blogueiros aprendemos mais do que as pessoas que nos visitam, porque sabemos conviver bem com nos mesmos acima de tudo…

  • Responder Jo 03/05/2010 at 11:25 am

    Ola, não sei se ja comentei aqui, sou a Jô do (f)utilidades,
    amei seu post, concordo com muitas coisas!
    Amo fazer amigos novos e com interesses comuns, conheci muita gente fofa por conta do blog, mas também ja surgiram pessoas entrando em competições psicológicas querendo nos imitar e competir!
    Você falou tudo: tem espaço para todo mundo, cada ser humano é único e assim podem ser os blogs!

    Quanto a receber produto para fazer post elogiando eu não acho legal, agora se uma marca de algo que eu falo muito me mandasse um produto e falasse pra eu testar e da minha opinião eu daria, se eu JOANA usasse e se combinasse com o blog eu daria sim, não por dinheiro, ou por produtos, mas sim para que minhas leitoras tivessem mais resenhas de produtos, as vezes fica caro comprar tudo todo mês, mas isso não me aconteceu… Eu uso e mostro as minhas coisas! E as coisas que eu conheço!

    Falar de marca cai no mesmo, eu contaria que a marca me deu uma coisa x para experimentar e diria tudo que achei, pois muitas vezes queremos falar de muitas coisas que não temos, eu acho que falar de algo por dinheiro, porque você ta ganhando e que de fato você não concorde não rola! Ser você mesmo é o que torna seu blog único e especial.

    Amo o carinho das leitoras e sou APAIXONADA por todo tipo de comentário do bem, obviamente dos desgostosos eu não gosto né?!

    O mais importante pra mim é não perdermos o foco, temos que ajudar as mulheres, as leitoras que nos procuram, do mesmo jeito que leitoras e blogueiras nos ajudam! O blog veio para sermos amigas e ajudarmos aquelas que tem problemas com suas auto estimas!

    Toda mulher tem seu lado lindo, fofo e especial, tudo isso aparece se você deixar e os blogs ajudam na auto confiança!

    E você esta certa com relação a algumas marcas que tem gente amadora nas midias de comunicação de boas marcas, alouuuuu do que adianta estar ali se não for para passar as informaçõe e influências legais para frente? Acham que agradam a quem?

    No Brasil o povo do mundo da moda ainda tem muito que aprender com relação a qualidade do trabalho das pessoas.

    Achei seu post leitura obrigatória para blogueiras!
    Concordo com praticamente tudo!
    Parabéns pelo seu trabalho!
    Um beijo carioca ai pra vc!

    Jo

  • Responder Dani 03/05/2010 at 11:29 am

    Paula, não comento muito por aqui mas hoje tive que vir para te dar os parabéns por mais um post “educativo” para tantos blogueiros e bloguetes!! Concordo e assino embaixo tudo o que vc disse… muitos acham que ser blogueiro é glamour e boas propostas… mas não é bem assim que a banda toca!

    Bisous…

  • Responder Ana (Trendy Twins) 03/05/2010 at 11:34 am

    amigaaaa, vc disse “quase” tudo! hahaha

    pra dizer tudo só faltava mesmo dar nome aos bois, coisa que vc fez bem em não fazer. Gente pequena não merece nem publicidade ruim.

    um beijo, quéri!

  • Responder Thiara 03/05/2010 at 11:50 am

    Adorei o post!
    Realmente é tudo verdade, e mesmo com quase 4 meses de blog já vivenciei muuitas dessas coisas, acredita?
    É um meio ótimo pra fazer amigos, conhecer novas pessoas, expor algo que você gosta e não tem acesso no dia-a-dia, no trabalho, etc. É super gratificante receber elogios, comentários e indicações de coisas que você escreveu…
    Esse negócio de inimigos anônimos, marcas querendo te explorar, é tudo muito ruim, chato e desanimante, mas o pior são boatos, fofocas e intrigas que acontecem, né? Acho que não tem coisa pior que misturar o blog com o pessoal.
    É uma pena que existam pessoas que ao invés de prestigiar e ficarem felizes por você com o seu sucesso e evolução, acabam tentando te destruir e falando coisas ruins de você por aí, por inveja ou sei lá o que…

    Mas os prós superam os contras e eu continuo nessa, como você!!

    Beeeijos

  • Responder Dayse Galhardo Camara 03/05/2010 at 11:52 am

    Nossa, quando vejo esses posts de vocês até me assusta. Sério! Estou planejando meu blog há pelo menos uns 3 meses, pois nao quero começar algo por começar e depois esquecer. Os blogs que visito têm um dinâmica, todos são sempre atualizadissimos, ou seja sempre têm posts diários. Acredito que para isso ocorrer, deve dar um baita trabalhão mesmo. E me pergunto sempre se conseguirei acompanhar esse ritmo se tivesse um.

    Já tinha lido um post sobre os prós e contras de se ter um blog, que a The do Fashionismo fez, e sempre que vocês (Paula, The, Camis, e Barbara) colocam um desses textos sobre como é ter um blog, penso ainda mais se devo ou não continuar com a idéia de criar o meu. Afinal, não quero que ele seja apenas mais um dentre tantos que existem por aí.

    Enquanto isso, continuo refletindo sobre a idéia, e incrementando mais o meu .ppt que fiz sobre o planejamento do blog.

    O post está realmente ótimo, e irei relê-lo várias vezes. Obrigada Paulinha por nos presentear com seus post maravilhosos! 😉

  • Responder sah 03/05/2010 at 12:04 pm

    o post ficou mto bom!!!!dah para se identificar em varias passagens…eu tive poucos momentos ruins relacionados ao blog, msm pq o meu eh peqenooo ainda…mas os q ocorreram foram suficientes para me deixar um pouco triste qto a hipocrisia desse meio…mas a parte boa compensa mto mais, neh?
    bjuu e mais sucesso ainda!

  • Responder Anaide 03/05/2010 at 12:25 pm

    Excelente! Sou apenas leitora dos blogs e percebo tantas e tantas coisinhas… que até dão medo.
    Mas com um pouco de perspicácia fica fácil separar o joio do trigo.
    Parabén guria, seu trabalho é sério, e o fruto disso vc já colhe!!!

    Bjos

  • Responder @jmpsousa 03/05/2010 at 12:28 pm

    Ainda não tinha tido a oportunidade de conhecer o seu trabalho, mas fiquei imensamente feliz com a citação ao nosso artigo. Adorei o seu post, sobretudo no que tange as aspectos relacionados aos anúncios publicitários.

    Informo que fizemos um outro post para complementar esse assunto atinente aos Probloggers: Nem todos querem ser Problogger

    Um grande abraço e muito sucesso para você!

  • Responder Angelina Maria Nunes dos Santos 03/05/2010 at 12:33 pm

    Bem, eu quando vi seu blog no início de 2008 fiquei encantada e percebi que tinha talento para crescer e bombar!!!!!!!!!!!
    Quanto ao post: Cheguei a conclusão que em tudo na vida eles estarão lá, ou seja, os prós e os contras. Não existe nada 100% maravilhoso!! Creio que tudo poderia ser mais para os prós se todas as pessoas tivessem humanidade e respeito, o que, na realidade, nunca acontecerá!! Como vc mesmo concluiu quando abriu um “em tempo” e disse que ama blogar e vai continuar….!!!!!!!!!!!!
    É isso, os contratempos, as invejas, os mal entendidos sempre surgirão, prevalecerá contudo: Crermos em quem somos e na nossa capacidade!!
    Um beijo e que Deus continua abençoado a sua vida, o seu trabalho, o Sweetest!!

  • Responder Christine Martens 03/05/2010 at 12:43 pm

    Perfeito o post!!!
    Infelizmente o mundo está cheio de pessoas invejosas e que sempre vao tentar nos colocar para baixo! O que não podemos é permitir que isso aconteça!
    Cotinua sendo sempre essa mulher forte que tu és e não dá bola pra essas besteiras!
    Adorooo o blog e sou viciada (e nao quero tratamento! hehe)!

    Beijones!

  • Responder Pri Von Mühlen 03/05/2010 at 12:51 pm

    Paula, concordo com seu post, acho que tem espaço para todo mundo. Quantas vezes as pessoas acham que blogar é só ganhar produtos e não se percebem usadas pelas marcas, ficam babando em marcas pelo twitter, em seus blogs, pra ver se ganham mais coisas.

    Trocar minha opinião franca sobre um produto em troca de um batom?
    Não, minha opinião vale bem mais que isso.
    Aceito testar e resenhar coisas de várias marcas, mas no meu midia kit está escrito que a opinião é sincera, então,se eu testei e não gostei, a resenha negativa tbm vem, assim como a boa, pois se gostei, posso indicar para mais alguém que sinta a mesma necessidade que eu.

    Acho que querer ‘furar os olhos’ das colegas blogueiras só pq tem mais apoio ou destaque é um pouco de falta de talento e porque não, de capacidade.
    Cada um batalha pelo que quer, alguns conseguem, outros não. Na vida tudo é assim, uns vão conseguir vencer, outros vão batalhar e chegar a lugar nenhum, mas no mundo tem espaço para todos.

    Também acho que ser blogueira a mais tempo que as demais não me dá direito de ensinar a blogar, e nem de dizer o que certo e o que é errado, pois se eu digo que na web há espaço para todos, isso seria no mínimo, contraditório.
    Só não gosto de comentários ofensivos, pois estou no meu espaço, no meu blog, exijo respeito. Existem pessoas que não sabem manifestar opinião contrária à sua sem usar palavrões, ofensas e palavras de baixo calão, isso é fato.
    Existe um ‘x’ lá em cima para ser clicado caso a pessoa não goste do conteúdo.

    Um beijo.

  • Responder Amanda Medeiros 03/05/2010 at 12:55 pm

    Na vida tudo é assim… tem os lados bons e os lados ruins… ou melhor, em qualquer e toda profissão! Resta a cada um saber o que quer e quanto aguenta. Há um limite também, né…
    E quanto mais se cresce (e aparece) mais os problemas aumentam, junto ao retorno. É natural e esperado. Acho bacana que o post serve como aviso ou ensinamento para quem pensa em ter um blog sério ou mesmo pra quem até hoje não consegue respeitar o blogueiro e perceber tudo isso como profissão.
    Não é o mal do blog, da moda, das mulheres… é como é e sempre vai ser.

  • Responder IngridSoaresb (Ingrid Soares) 03/05/2010 at 12:57 pm

    RT @marinairis: Ótimo post… Novo post: As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk (via @sweetestpblog)

  • Responder falamedeiros (Carlos Medeiros ) 03/05/2010 at 12:58 pm

    Novo post: As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk (via @sweetestpblog)

  • Responder Shirley Stamou - Garotas Modernas 03/05/2010 at 12:58 pm

    Paulinha,
    Amei o post!!!!!!!!!!!!!!
    É realmente assim, um trabalho árduo, mas delicioso ser uma boa blogueira e “do be”, como dizem as cirianças.
    Você sabe que sou sua super fã e concordo que há muita hipocrisia de pessoas que dizem um “lixo” receber produtos para testar (porque não???) e que nem todo mundo deveria ter blog (ué, achei que este fosse um país livre!).
    Os comentários desagradáveis são poucos em comparação aos bacanas, mas é uó receber um comentário assim (de um anônimo, é claro): você é muito feia de rosto (!?), tipo, coisa de gente mau educada mesmo!
    Quero é saber quando é que vc vem prá Floripa para fazermos um big encontrinho ou pelo menos tomarmos um café e a gente se conhecer pessoalmente!!!
    Adoro vc, querida. De verdade!!!!!!!!!!
    beijos,

  • Responder Elisa 03/05/2010 at 1:01 pm

    #desabafo?!
    Adorei!
    Adoro o blog, leio tooodos os dias (cadastrado no meu bloglovin) e sempre, com muito fé, participo dos sorteios! Eu e a family toda! 🙂
    Pois bem, nem sei se já comentei aqui, mas quero aproveitar a oportunidade apenas pra elogiar o blog e seu trabalho! O post foi muito bacana e muito humano! As pessoas que leem tendem a ver tudo na net muito, muuuito virtual, distante, quase surreal…rs
    Não sou blogueira, sou apenas leitora assídua de blogs…rs Achei muito legal você falar que não há concorrência! Lógico que não há! E o legal de existirem muitos blogs é que você (leitor) terá sempre muitos pontos de vista! 🙂

    Bjs!

    Estamos todos tristes aqui em casa que não ganhamos o último sorteio!Foi lindo! Amei!rs

  • Responder beauteinfinie (Talita e Kell) 03/05/2010 at 1:03 pm

    RT: @sweetestpblog: Novo post: As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk

  • Responder svillatorre (Sergio Villatorre) 03/05/2010 at 1:11 pm

    RT @marinairis: Ótimo post.Novopost:As partes boas e ruins d ter 1blog!Arrasem noscomments! http://tinyurl.com/2wtzqyk (via @sweetestpblog)/

  • Responder coisasdadeda (Andrea Silva) 03/05/2010 at 1:13 pm

    Post em boa hora @sweetestpblog: Novo post: As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk

  • Responder Talita Barroco 03/05/2010 at 1:19 pm

    Oi Paula. Frequento seu blog há mais de um ano e dificilmente comento.
    Como em qualquer área da vida, blog traz coisas boas e ruins e como vc mesma disse, a parte boa supera (ainda bem, né?!).
    Quando fazemos algo com amor, bem feito e quando há talento incluido, muitos invejam ou gostariam de ser como a pessoa que está crescendo.. aí gera essas situações que vc mencionou.

    Desejo muito mais sucesso pra ti e que todas suas metas e sonhos se realizam.
    Amo o blog e sempre continuarei acessando.

    Bjs,
    Talita

  • Responder Alice Cardoso Brandão 03/05/2010 at 1:19 pm

    Ainda bem que as partes boas superam as ruins, senão como a gente ia ficar sem vocês por aqui? =)

  • Responder camomilas (Camila Sch.) 03/05/2010 at 1:38 pm

    RT @sweetestpblog: Novo post: As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk

  • Responder Aline 03/05/2010 at 1:54 pm

    Excelente post!
    Realmente ter um blog é complicado, rola inveja, intriga e tudo o mais..
    talvez a pior parte mesmo seja a inveja, inveja de pessoas que querem ter o que tu tem, querem fazer o que tu faz, querem ser simplesmente igual a você.. pessoas sem personalidade, sem ideais na vida… pra mim isso é totalmente UÓ!
    Falta de capacidade é realmente triste…
    No mais, fazer amigos, é realmente excelente e acrescenta na nossa vida ao invés de nos derrubar…
    Beijos, adorei.

  • Responder glamourgaragem (Glamour de Garagem) 03/05/2010 at 2:10 pm

    Assinado embaixo! RT @sweetestpblog Novo post: As partes boas e ruins de ter um blog! http://tinyurl.com/2wtzqyk

  • Responder Jennifer Fernandes 03/05/2010 at 2:21 pm

    Paulinha, eu acho o sweetest um dos blogs que mais tem personalidade da internet!
    Vc pode sofrer por expor de maneira nua e crua suas opiniões aqui, mas vc é sincera, vc fala na cara, vc não se deixa influenciar…acho que mtas no íntimo gostariam de ser como vc, mas não o fazem para não “desagradar”!
    Quem frequenta o blog há mto tempo, sabe a simpatia e o carinho que vc tem com as leitoras e te conhece como nguém!
    Eu adoro!
    Bjuuu

  • Responder Annina Barbosa 03/05/2010 at 2:34 pm

    Paulinha para Presidente!

    Eu voto!

    Um post bom e verdadeiro.

    Beijos, queridona!

  • Responder Joana Borges 03/05/2010 at 2:36 pm

    Oi flor! Eu raramente comento, vc sabe, mas estou todos os dias de olho no seu blog pq adoooooorooo, amoooooo, venerooooo!
    Resolvi dar um “oi” pq tô com saudade (vem pro Rio!!!) e porque te admiro muito! Te acho fantástica, inteligente, e, o principal, vc me diverte muito também!
    Não ligue para a parte ruim de ser blogueira. Tenho certeza de que o lado bom é muito superior ao ruim (é claro, senão vc nem teria mais o blog! rs).
    Aliás, ser sua leitora tem a parte boa e a parte ruim também… o que eu compro sem precisar (e sem poder) só porque vc tá indicando e me fazendo surtar do outro lado da tela, vc não lembra, não, né?? hahahaha
    Enfim… eu amo o Sweetest e espero que o lado bom de ser blogueira esteja sempre crescendo e que, graças ao blog e ao seu talento, você consiga ainda muitas coisas boas pra sua vida!
    Um beijão,
    Jô.

  • Responder Ariane Vitorino 03/05/2010 at 2:40 pm

    Nem pense em parar, adoro ler seu blog sempre !!!

    Tudo isso faz parte da vida, faz parte da vida enfrentar, engolir sapos. E o tempo ajuda a curar tudo.
    Beijão,

  • Responder sininhu 03/05/2010 at 2:55 pm

    Mais uma vez, adorei tudo o que tu escreveu. Achei bem completinho e define perfeitamente o que todo blogueiro brasileiro passa diariamente.

    Eu ainda sofro um certo preconceito de certas empresas ou eventos. Pq para muitos, tu falar que vai anunciar para um blog de moda é a mesma coisa que falar que vai escrever num pedacinho de papel e passar pro amiguinho apenas. Mas geralmente ‘esses’ quebram a cara ao entrarem e analisarem o público e o material do blog em questão. Principalmente quando eles percebem que tem companhias muito maiores do que a deles, interessadas ou fazendo parte dele.

    Em cidade de interior é isso o que mais rola, falta de credibilidade. Pq, pelo menos aqui, as pessoas não são acostumadas com blogs e, muitas vezes, não tem acesso ou conhecimento a muita informação. Por exemplo, não sabem nem como analisar o número de visitas de um blog e vão atirando no achômetro (completamente errado).

    Eu, particularmente, acredito que blogs tem uma exposição muito maior do que certos jornais ou revistas. É tipo um contato direto e rápido com o país inteiro, e muitas vezes até com outros.

    Claro que nem tudo é ouro, e assim como você mencionou, tem blogueiras que “se vendem por qualquer espelhinho”, hahaha. Então isso queima o filme de quem é sério e tá ali buscando credibilidade num mar de blogs novos que surgem diariamente.

    Mas acho que a pior parte de tudo isso é a inveja que rola por aqueles que observam teu blog crescer e a interpretação (e julgamento) errada da mensagem que tu tenta passar. Parece que se não postamos algo que agrade a todos, uns e outros já vem com pedras nas mãos querendo ler aquilo que seja verdade pra ele, mesmo que faça parte da realidade APENAS dele. E pior são aqueles que ficam sempre observando, tipo urubu, esperando alguém comentar algo ruim pra colocarem fogo na fogueira, com a esperança de denegrir a imagem do blog.

    Uma boa blogueira na minha opinião é a que fala o que tem que falar, doa a quem doer. E que acima de tudo , publique apenas coisas das quais realmente tenha interesse. Vejo muitas blogueiras “lugar comum” publicando coisas que sequer entendem, apenas para comentar o assunto do momento. Eu prefiro perder acessos e postar algo que eu gosto, do que “me vender” comentando coisas que sejam apenas para agradar os outros.
    Acho que é esse o diferencial. Isso que faz um blog ser ou não ser.

    Eu sou blogueira desde os meus 10 anos de idade, hoje tenho 21. Claro, eu blogava por diversão e não levava a sério. Me aposentei, e voltei agora novamente pq sentia falta de expor a minha opinião e mostrar quem eu sou para as pessoas ao meu redor. Mas não voltei impulsionada pela mídia e pela fama que outros blogs estão tendo agora, nem tenho a intenção de ser famosa. Ao contrário de muitas iniciantes que vemos por aí.
    O que na real me incomoda, são as pessoas que criam blogs pq percebem que o teu ou o dos outros tá dando certo e tal. Daí viram cópias descaradas do teu material, background, jeito de falar, e até mesmo da maneira de escrever.

    E para variar, eu acabei fazendo um comentário bíblia nos teus posts né… hahahha Mas realmente adoro o que tu escreve e a tua linha de raciocínio!

    Beijão ;*

  • Responder ninjuliamaria (Haranin Souza) 03/05/2010 at 2:59 pm

    RT @sweetestpblog: Novo post: As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk

  • Responder joana aparecida 03/05/2010 at 3:06 pm

    oi
    hoje tenho q fazer meu comentário pra te dar uma força contra pessoas sem moral, ética, pessoas invejosas mesmo. adoro seu blog, é lindo não deixe que nada estrague isso.
    beijo, beijo……..

  • Responder Kaira 03/05/2010 at 3:10 pm

    Oi Paula,
    adorei o post, li e reli, mas tudo na vida é assim, tem seus prós e contras, não seria no mundo virtual que isso seria diferente. Ainda mais quando o sucesso chega, a visibilidade só ajuda esses pequenos “aborrecimentos”…
    E a vida segue, que bom, né?!
    Bjs!
    Kaira

  • Responder Fabiana 03/05/2010 at 3:12 pm

    Falou tudo ..adorei esse post!!!Deveria ser “publicado”!!!Acho que a parte das ofenças ….é bem óbviu que se trata de pessoas invejosas que nada têm de especial ,,ou não te conhecem e querem ser iguais , ou te conhecem sim ..e querem o mesmo ….o negócio é não deixar a “peteca” cair…gde beijo!

  • Responder Mileni Portella 03/05/2010 at 3:26 pm

    Muito boa a iniciativa de escrever sobre ‘problemas’, já tinha lido um outro em que tu escrevia sobre assuntos polêmicos. Espero que eu me encaixe na parte das pessoas que tu não via a muito tempo, e que reencontrou por causa dos blogs…ahahhahahaha..
    Beijos e sucesso com as novidades, que teremos em breve para dar uma espiadinha!

  • Responder alessandra muraro 03/05/2010 at 3:27 pm

    Não faz muito que descobri o teu blog (via twitter). Esse último post só confirma que posso mergulhar, sem titubear, nos teus pitacos embasados, bem humorados e inspiradores. Vida longa ao Sweetest!

  • Responder maritomazelli (Mariana Tomazelli) 03/05/2010 at 3:27 pm

    RT @sweetestpblog: Novo post: As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk muito bom

  • Responder Pri Rezende 03/05/2010 at 3:28 pm

    Muito bom seu post, Paula. É isso aí mesmo.

  • Responder Érica Camargo 03/05/2010 at 3:38 pm

    Nossa, to de queixo caido com seu post, parabéns!!! Resume absolutamente tudo que acontece nesse mundinho virtual!! Como meu blog ainda é recente não recebo esse tipo de comentários maldosos, ainda bem, pq não tenho o menor saco pra isso!! Quanto as marcas e emails, jurava que essa pouca vergonha só acontecia com os blogs menos conhecidos, do tipo, será que consigo pegar uma deslumbrada no meio do caminho?? To chocada em saber que não e faz vc muito bem falar sobre isso, tb fico revoltada com alguns emails q recebo! aff.
    Mas ainda bem que as coisa boas seeeempre superam as ruins e conhecer pessoas legais todos os dias é muito gratificante!!!
    Apesar de quase nunca comentar por aqui, adoro seu blog!!!
    beijooooooo

  • Responder DenizeBongiovi (Denize Wanderley) 03/05/2010 at 3:45 pm

    RT @f_utilidades: CONCORDO E DOU RT da fofa @sweetestpblog: Novo post: As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk

  • Responder Kaliane Aquino [Hestia] 03/05/2010 at 3:54 pm

    Ai menina fico muito triste quando vejo pessoas boas como vc passando por isso sabe! Eu acho que não tinha visto aquele post que de indicações de blogs que vc gostou! Acho que vc indica quem vc quizer e gostar ou não gostar de um blog é um DIREITO seu.. Eu gosto de uns que não estão naquela sua lista e é assim mesmo, cada um tem um gosto diferente 🙂 não vejo porque ficar com raiva até porque não é porque os que EU gosto não estão lá que são menos interessantes! Concorda? Acho o fim deixar recadinhos anônimos e com agressividade! Quer falar? Então mostra a cara que pelo menos é uma coisa bonita de se fazer! Mostrar a opinião com respeito e RESPEITO não é todo mundo que tem pelos outros! Tem empresas que só dão valor a números, já tentei parceria com algumas e dei com a cara no chão, e acho a mesma empresa noutro dia parceira de um blog, fico sem entender os critérios! Por outro lado tem aquelas que não se importam tanto com números e surgi uma parceria bacana.. Eu faço testes de produtos e se não gostar eu falo que não gostei! Nunca recebi proposta pra falar bem de um produto e se receber não aceito florzinha. Até hoje só recebi pra testar uma argila e que eu acho que tive alergia e postei o que aconteceu de verdade! Eu sou assim. Aconteceu comigo não quer dizer que vai acontecer com outra pessoa! A Nat que é dona do blog que sou colaboradora fez um balanço geral na opinião dela de ser ou não ser blogueira! http://www.coisasdenatalie.com/2010/03/ser-ou-nao-ser-blogueira-balanco-geral.html depois olha lá!! o que digo pra vc digo de coração ADORO o sweetest, os sorteios são divinos e ainda reclamam neh! NÃO sofra com pessoas que não gostam daqui e de você porque garanto que é minoria viu? E que venha seu novo blog
    Beijos e desculpa ter escrito muitoo é que sou ariana! 😉

  • Responder Carol 03/05/2010 at 3:59 pm

    Oi Paula, gostei mto de tudo que vc escreveu, apesar de meu blog ser novinho e eu não ter experiência própria com algumas situações já pude ver algumas coisas aí pela net.

    Mas como vc mesma disse, recever um email ou um comentário legal é sempre gratificante e vale mais do que muita coisa ruim que a gente tem que ver.

    bjs

  • Responder Maria Inês Sá 03/05/2010 at 4:10 pm

    Parabéns! Falou tudo. Existem pessoas q amam azedar a nossa vida; só servem pra nos fortificar. E assim a gente só cresce e aumenta de tamanho (rsss), ou seja, ocupa um espaço cada vez maior. Já te falei q vc é maior do q isso, por simples competência. Sorry né.
    Bjks
    Inês

  • Responder Luciete 03/05/2010 at 4:12 pm

    Oi Paula,

    Acompanho seu blog tem uns 8 meses. Poucas vezes comentei, mas sempre leio e as dicas quase sempre me ajudam em alguma coisa. Estou há alguns meses ensaiando pra criar o meu blog e este post me ajudou bastante. Nunca parei pra pensar no lado ruim das sondagens das marcas…Quanto aos comentários falsos, ruins: abstrai! :)Bjs, Lu

  • Responder Karla Sousa 03/05/2010 at 4:14 pm

    Não entendo algumas coisas…
    Eu não tenho blog, mas adoro ler vários blogs. Às vezes passo horas só lendo alguns blogs que eu adoro (como o seu, por exemplo). Aí me deparo com um texto desses e acho um absurdo que vc Paula, precise perder seu tempo com esse tipo de post. Eu só leio os blogs que eu gosto, que me identifico com eles. Se o blog não me agrada eu simplesmente não volto mais.
    Acho muito produtivo discordar de algumas coisas pq acho que isso gera crescimento, mas daí xingar, tentar te diminuir ou julgar por suas convicções ou ainda pelas suas escolhas de marcas, produtos ou qq outra coisa, isso eu não consigo entender. São exatamente essas escolhas e convicções que fazem desse blog algo único e atraente!
    Fico impressionada com a capacidade de vcs blogueiras terem sempre assuntos novos e variados. Já pensei em ter um blog, mas certamente não conseguiria ter tanto conteúdo nem capacidade de atrair a atenção de tantas pessoas, então acabo sempre desistindo da ideia. Assim, vou me distraíndo com esses textos maravilhosos que vcs escrevem blogosfera afora.
    bjs e sucesso!

  • Responder Valéria 03/05/2010 at 4:21 pm

    Nossa, não sabia que as coisas chegavam nesse ponto! Estou tentando fazer um blog, com meu hobby, (quem sabe um dia profissão), e ainda estou na fase “ilusão”, todo mundo q acessar vai gostar/não gostar e só! Sem agressões! Mas estou vendo q não é bem assim. É uma pena, para mim comentários são sempre bem vindos, com elogios ou críticas. Mas boa educação, gentileza e civilidade primeiro, né?
    Gosto mto so Sweetest, tá nos meus favoritos!
    E continue o bom trabalho!

  • Responder Andrea 03/05/2010 at 4:34 pm

    Uau!!! É tudo que posso dizer do seu post, você falou tudo e mais um pouco. Tenho visto cada comentários em vários tipos de mídia de internet e me surpreendo com a falta de educação, falte de respeito e pra mim falta de humanidade nas pessoas. O ser humano deixou de ser cortês ( não lembro se assento ainda existe…), delicado e amável…Adjetivos que muitos desconhecem hoje. Você é demais e já fiquei viciada no seu blog, todo dia eu entro pra dar uma olhadinha….Bjos e muito sucesso….

  • Responder Amanda 03/05/2010 at 4:49 pm

    Essas apurrinhações fazem parte de qualquer convívio social, pior ainda em um ambiente que se pretende algo mais ‘profissional’, como blogs que se desenvolveram e hoje são bem conhecidos e formadores de opinião. São blogs maravilhosos, mas alguns são alvos de crítica mesmo – e, sendo sincera, devem mesmo ser. Cada um tem sua opinião, eu manifesto a minha se me perguntarem, mas não vou ficar comentando baboseira agressiva no blog alheio.

    Se eu me irrito com posts ‘ a la Leão Lobo’ na internet, criticando celebridade, isto é da minha personalidade e dos meus gostos. Eu pulo aquele post que eu achar dispensável e passo para o outro – ou paro de ler o blog. Simples assim, não sou hipócrita de dizer que eu gosto de tudo o que leio em 100% dos blogs existentes por aí, ainda que o blog seja famosíssimo, só não vou agredir ninguém por isso no espaço que é do outro.

    O resto é ler conteúdo bacana na internet como o seu, conteúdo que adiciona, que agrega e elogiar sempre aqueles que merecem, enviando energia positiva. =)

  • Responder debsbraga (Débora Braga) 03/05/2010 at 4:50 pm

    RT: @marinairis: Ótimo post. / As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk (via @sweetestpblog)

  • Responder Carol Prince 03/05/2010 at 5:10 pm

    O que você disse é bem verdade! Até eu que não tenho blog e nem nada, mas leio muitos diariamente percebo isso…

    Mas fica tranquila dear… A diferença entre os bons e os ruins é GRITANTE!

    E o seu tá nos bons!

    kss!

  • Responder Daiene Calmon 03/05/2010 at 5:28 pm

    Paulinha, mais do que concordo com tudo isso que você escreveu!

    Talvez, se eu não tivesse blog hoje, acharia tudo isso uma bobagem. Ou então, como antigamente, delirava só de pensar em um dia ter um blog e uma empresa entrar em contato comigo oferecendo produtos pra testar. Hoje, eu vivo essa realidade e sei o quanto é complicado lidar com isso tudo. É sério, pra quem não sabe, é COMPLICADO. Você tem que saber dizer não, e também saber dizer sim sem parecer uma louca por coisas que te dão de mão beijada.

    Fiz amizades mas também percebi disputas, acho isso horrível. E olha que meu blog nem é lá grandes coisas! Já recebi comentários agressivos que acho sem necessidade, e também pessoas que interpretaram mal o que eu disse e vieram tirar satisfações. Gente, pra quê?

    Quando a sua opinião começa a ter um alcance maior dentro da internet, tem que ter cuidado com tudo o que fala. Digo isso porque você acaba influenciando as pessoas a comprarem e testarem coisas novas, e cada palavrinha que você diz se torna um tanto ‘perigosa’. As vezes se você diz que não gosta de uma coisa, sempre vem alguém com 7 pedras na mão e com palavras agressivas pra cima de você. Gosto é gosto, e muita gente não entende isso.

    Outra coisa que também me incomoda é o fato de ver empresas querendo dar ordens, como você disse, como se o seu espaço fosse algo pra ser vendido ou dado para qualquer um. A primeira vez fui gentil, mas não recebi nem se quer um obrigado! Um absurdo isso não acha? Mas a gente aprende!

    E sobre os convites ou credenciais pro SPFW e Fashion Rio, tá rolando uma certa polêmica sobre isso, e eu to um pouco indignada .. mas como você disse, quem sai perdendo é eles mesmo! Os blogs hoje são bastante reconhecidos, mas ainda acho que rola um certo preconceito em eventos como esse. Lá fora, você sabe, certas blogueiras sentam na primeira fila, isso que é reconhecimento. E olha que eu sou estudante de moda, e ir a um evento desses vai muito além do prazer de só estar lá .. é algo com que eu vou trabalhar ou pelo menos preciso me informar, saber como funciona, não acha? Se querem profissionais capacitados, precisam dar espaço pros mesmos. E ainda sim me negam, que bad.

    Beijão querida!

  • Responder jmpsousa (José Márcio) 03/05/2010 at 5:50 pm

    RT @sweetestpblog: Pra quem tá chegando agora! As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk

  • Responder Nadja 03/05/2010 at 6:01 pm

    Parabéns pelo post.
    É o preço que se paga pela exposição.
    Abraços

  • Responder Kelly Trindade 03/05/2010 at 6:19 pm

    Oi, não conhecia seu blog e você está de parabéns pelo post, é tudo verdade…
    As pessoas não entendem que para se ter um blog dá trabalho, exige pesquisa, e um amor pelo que faz. Sucesso p vc.

  • Responder barbara maciel 03/05/2010 at 6:22 pm

    Ola, Paula! Não pude deixar de comentar nesse post! Quando eu visito os blogs que eu gosto e vejo os coments, chego a ficar indignada com o monte de gente loka e seus comentários maldosos. Olha, quando eu não tenho nada de instrutivo para acrescentar, prefiro nem comentar, e quando vou fazer isso, leio varias vezes para ver se aquilo que eu escrevi não será mal interpretado pelas outras leitoras. Mas infelizmente, como o pessoal comentou acima, tem gente que não suporta ver o sucesso dos outros. Espero que voce não se deixe abater por causa dessas pessoas hipocritas que podem ser muitas, mas não podem superar a energia boa das pessoas que realmente te querem bem e vibram com o teu sucesso. beijão.

  • Responder Homensqsecuidam (Juan Alves) 03/05/2010 at 6:36 pm

    RT: @sweetestpblog: Pra quem tá chegando agora! As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk

  • Responder Marta Elisa 03/05/2010 at 7:18 pm

    Bah Paula te puxou hein!!!MARAVILHOSO TEU POST!!!Aqui fala a Marta amiga do teu xuxu amado amigo Cezinha.ehehehehehehe……Levo esse desabafo p/ minha área profissional…..Minha mãe amada tbém sempre fala que tudo na vida tem os dois lados….Parabéns!!Muito sucesso!!!!E se essa gente horrorosa fala mal de vc é porque não tem a mínima capacidade de ser no mínimo interessante.Eu sempre falo que “pessoas 3×4” são dígnas de pena!Tua estrela brilha xuxu!!!Bjo

  • Responder Thaina 03/05/2010 at 7:27 pm

    Concordo plenamente com o que você disse. Apesar de eu não ser blogueira há tanto tempo quanto você, já fui apresentada a quase todos os quesitos.
    Levei um bom tempo para aprender a ignorar os comentários agressivos. No começo eu ficava muito mal, hoje em dia deleto e sigo tranquilamente a minha vida.
    O bom é que as coisas boas de se ter um blog costumam ser mais frequentes que as coisas ruins.

  • Responder Ana 03/05/2010 at 7:27 pm

    Paulinha, parabéns pela sua coragem! Esse seu lado sempre disposto a “colocar a boca no trombone” é uma das coisas que te faz especial e que me fazem sempre querer voltar. Sua personalidade é incrível. Continue assim, não dê moleza para esse povo, e bola pra frente!

  • Responder Luciana Santana 03/05/2010 at 7:51 pm

    Eu sinceramente não consigo entender como esse tipo de pessoa invejosa, medíocre e totalmente insana faz umas coisas dessas. É necessário da nossa parte não ligar e deletar de vez certos tipos de comentários. Você é lindaa Paula, tem um blog absurdamente lindo e que só merece elogios e quanto aos invejosos e fofoqueiros de plantão que se contentem em ficar no anonimato! Cambada de retartados.
    Adoro o seu blog!
    Beijo

  • Responder Bruna Lemos 03/05/2010 at 7:53 pm

    Paula, vo te fala, você conseguiu me fazer gostar mais de você!
    Maravilhoso post, estou pensando em fazer um blog pra falar do que eu gosto e tinha medo de várias coisas que você disse como os comentários ruins, agora se eu resolver mesmo fazer o blog já vou saber lidar um pouco melhor com isso.
    Parabéns pela coragem que você tem de falar sem se importar com as críticas.

  • Responder Ciça Jovita 03/05/2010 at 8:02 pm

    paulinha,

    concordo com vc! mesmo com pouco tempo de blog, já notei coisas meio bizarras mesmo…
    mas assim, qdo a gente faz de coração, a gente recebe coisa boa em troca… e quem faz sucesso, atrai essas pessoinhas péssimas mesmo… faz parte né? 🙂
    amei o post!
    beijinhos,
    Ciça.

  • Responder Marcela 03/05/2010 at 8:04 pm

    Olá Paula, adorei seu post!! Acho que você esta certissima, tem muita gente ruim mesmo aqui na net que só quer o mal dos outros, mas em compensação tem muita gente boa também e é nisso que devemos pensar. Eu já vi cada menina legal ( donas de blogs ) que passou por tanta coisa ruim, mas acho que temos é que seguir nossa vida e vivê-la da melhor forma possível. Eu sei que comentários maldosos chateiam, mas é isso que essas pessoas querem mesmo, melhor não ligar né e focar nas coisas que se gosta e nas pessoas legais que estão ao nosso redor. Gente ruim e que quer puxar o tapete dos outros existe em todo canto não é “privilégio” da net não, mas tem muito mais pessoas boas que querem ajudar e que de uma forma inesperada se tornam grandes amigos!! Beijos!

  • Responder Priscilla 03/05/2010 at 8:10 pm

    Excelente seu artigo!!!
    Já cansei de ver alguns blogs metendo o pau em certas marcas ou produtos e depois estão sorteando alguns brindes da marca. Realmente, hipocrisia total! Queremos sim ver testes e resenhas, mas com opiniões verdadeiras, sem deturpações nos critérios de análise ou julgamento. Afinal, quem vai atrás deste tipo de informação quer saber se um produto vale realmente à pena ou se é dinheiro jogado fora. Então fica sempre aquela dúvida. Como confiar no blog se ele é patrocinado pela marca X? Lógico que é legal a marca X dar alguns brindes sim, mas isso sem ter uma obrigação cega por parte do blog em colocar estes produtos como os mais lindos, cheirosos e maravilhosamente milagrosos do mundo, né?! Outra coisa, o tal do Twitter. Confesso que também entrei meio desanimada e hoje já não fico mais do que algumas horas sem acessar e ver o que está rolando. Só que tem muita gente fazendo um uso banal do twitter. Parece que nós brasileiros ainda não entendemos o “espírito da coisa”. Alguns blogs usam seu twitter como meio de promover promoções com base em RTs e outras quinquilharias mais. E aquilo que deveria ser um “feed”, acaba se tornando um viral e às vezes acaba enchendo o saco, viu?! Isso sem falar na falsidade que rola (mil beijinhos daqui, fofas dali). Eu já conheci bastante gente legal no twitter sim. Mas não vem com essa de ficar pedindo pra eu comentar cada post novo que tem no blog se aquilo que tem no blog nada mais é do que uma opinião comprada por determinada marca. Além do mais, que tal deixar os followers curiosos? Deixa só uma dica, uma pista, algo que seja intrigante. Não fique colocando dez vezes o mesmo tweet pedindo pra gente comentar seu novo post no blog. É cansativo!!! As pessoas têm muito mais o que fazer do que ficar o dia inteiro deixando beijinhos e flores nos comentários dos blogs.
    Como eu diria em um tweet: #prontofalei

    É isso!!!

    Parabéns pelo seu trabalho!

  • Responder Bruna Tavares 03/05/2010 at 8:17 pm

    Poutzzzz…tenho quase certeza q sei da blogueira crazy q vc ta falando(e marca)uhauahauah

    Eu achei um sarro!

    Arrasou no post, o pior é mesmo são as FOFOCAS bizarras, fato…mas o ar blasé da maioria cansa tb hein, tem dias que vc eh uma fofa, no outro não serve mais…pra mim essa é pior parte desse universo!São poucas as pessoas que gostam de ti de graça msm!

    Beijossss

  • Responder Débora Fonseca 03/05/2010 at 8:30 pm

    Eu te acompanho no twitter e não acho que você solte os cachorros por lá não.. normal de quem tem twitter, vez ou outra acaba desabafando, mas coisa normal…
    To falando isso porque de resto, não sou blogueira, então nem posso falar muito, mas pelo o que a gente lê ou fica sabendo passando pelos blogs por aí, é o que dá pra se analisar mesmo.
    Acho que até pra manter um blog, tem que ter talento. Tem que ter personalidade,escrever o que quer/pensa, mas tem que ter atrativos para os leitores também.
    Assim como vc citou o “submundo” da Moda, acho que rola isso também no mundo dos blogs… infelizmente, algumas pessoas acham que invejando os outros, diminuindo e prejudicando conseguirão subir na vida. Ilusão, né?
    Quem tem estrela e está fadado ou corre atrás do sucesso, não tem jeito. Podem fazer o que for, mas o que tiver que ser seu, será. E quando não tiver que ser, não tem Jesus que desça na Terra que dê jeito.
    Parabéns (sempre!) pelo blog..

    Obs.: Você não ia abrir um outro blog?

    beijo!

  • Responder Deoclecio Quintela 03/05/2010 at 8:34 pm

    Pra falar a verdade…
    Somos artistas…E se temos um blog…Logico! e esse blog faz sucesso…Eles estao na nossa mão. Entao! quem tem que cuidar….hehehehehehe SÃO ELES! uHUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU

    Amei o post.
    achei tudo de bom e mais um pouquinho…kkkkk
    arrasou!

  • Responder Nai 03/05/2010 at 8:37 pm

    Adoro o blog!
    Acho q esse tipo de coisa acontece em todas as esferas de trabalho, sabe… medicina, direito, comércio… mas acho q na moda as coisas são mais ferrenhasmesmo, é td muito imediato e ao custo do que custar, não é?
    Não se deixe abater por pessoas mesquinhas, egoistas e pequenas, pq a sua legião de admiradores é grande… bem como, não desanime com a burrice das pessoas vulgares que atacam sem motivo, senão pelo falso desprezo…
    Eu, como falei, adoro o blog (e fico super lisongeada com a sua resposta por email, que amooo, o assunto fica entre a leitora e a blogueira) e só desejo cada vez mais sucesso.
    Me considero uma pessoa normal, olho vários blogs, não sou entendida de nada, mas por mais simples que eu seja, sei quando uma coisa é forçada, vendida… coisa que nunca senti aqui, por isso venho sempre me divertir.

    Deus te ilumine, beijão enorme!!

  • Responder Sandra Régia 03/05/2010 at 8:45 pm

    Post PERFEITO!

  • Responder passaneura (Tati) 03/05/2010 at 8:55 pm

    Post tem que ler: http://tinyurl.com/2wtzqyk via @sweetestpblog – Interessante para blogueiros e para leitores 😉

  • Responder homensvaidosos (maquiagem masculina) 03/05/2010 at 8:56 pm

    RT @sweetestpblog: Pra quem chegou agora: o post de hj é sobre as partes boas e ruins de ter um blog!http://tinyurl.com/2wtzqyk

  • Responder Celina Alves 03/05/2010 at 8:57 pm

    Oi Paula, tenho meu blog desde o final de 2007, começou sem pretensão alguma, mas ele cresceu e hoje não tenho vergonha de falar que ganho dinheiro com ele e que surgiram trabalhos paralelos na vida real por conta do blog. Faço publieditorial sim, mas desde que seja relevante pro meu leitor e com a proposta do blog e que paguem também o “meu preço” (eu tenho uma tabela), não faço em troca de presentinhos, o blog virou trabalho e meu pagamento quero em dinheiro, se o presente vem junto, melhor ainda. Sugestões de pauta é o que não faltam pros blogueiros, mas aí publica de graça quem quer, eu cobro porque trabalho com isso agora, mas não faço post do que não acredito, do que não gosto, do que não acho legal pros leitores, mas tbm divulgo marcas sem cobrar nada, divulgo porque quero informar ou passar algo pro leitor de alguma grife que acho bacana, alguma imagem legal que possa inspirar, etc. Por sorte ainda não passei por coisas ruins, do tipo que me fizesse querer desistir de blogar. Amo meu blog e ele é meu segundo filho, as amizades que fiz já são o suficiente para eu adorar o meu cantinho. O dinheiro e a oferta de trabalho paralelo foi consequência e não objetivo.
    Parabéns pelo post.
    BjoBjo 😉

  • Responder nandarqs (Fernanda) 03/05/2010 at 8:58 pm

    RT @passaneura: Post tem que ler: http://tinyurl.com/2wtzqyk via @sweetestpblog – Interessante para blogueiros e para leitores 😉

  • Responder Junia Miranda Gonçalves 03/05/2010 at 9:02 pm

    Paulo queria pedir sua permissão para divulgar o seu texto no meu blog, claro com os devidos créditos.
    bjos
    Junia

  • Responder ManuMSoares 03/05/2010 at 9:05 pm

    Oiii Paulinha! Parabéns mais uma vez! Nem preciso dizer que o post foi MARAVILHOSO, os comments falam por si.
    É muito bom conhecer um pouco mais das blogueiras que me inspiram no dia a dia, e ter certeza do carater dela!
    Estou doidinha pra montar um blog, já tenho posts prontos e tudo mais, mas sou meio burrinha com a internet e um amigo vai me ajudar, esse texto vai ficar guardado pra eu dar uma olhadinha SEMPRE e não desistir NUNCA!!!
    Tks for all!
    Beijão, Manu Maria

  • Responder AnaKinT (Ana Karenina) 03/05/2010 at 9:08 pm

    RT @sweetestpblog: Pra quem tá chegando agora! As partes boas e ruins de ter um blog! Arrasem nos comments! http://tinyurl.com/2wtzqyk

  • Responder FeHoltermann (Fernanda Holtermann) 03/05/2010 at 9:10 pm

    Muito bom o post de hj, sobre as partes boas e ruins de ter um blog!http://tinyurl.com/2wtzqyk da @sweetestpblog

  • Responder Mari Martins Lehnen 03/05/2010 at 9:16 pm

    Paulinha!
    Eu sou apenas leitora, mas ainda assim super concordo contigo.
    Tem gente que fica mandando link, pedindo pra dar RT no twitter, por exemplo..querendo uma audiência que tem que se espontânea.
    Gosto muito da forma como tu guia esse pequeno mundo virtual que é o Sweetest, que nos faz te conhecer melhor, e conhecer várias coisas que as vezes, nem saberíamos que existem.
    Já falei uma vez pra ti: o blor torna meu dia mais feliz.
    E tu é a grande vencedora, sempre…sendo transparente e autêntica.
    Beijao

  • Responder Bruna Miranda 03/05/2010 at 9:24 pm

    Parabéns pelo post! Um arrazo!!!
    E sucesso no segundo blog, que com certeza serei leitora… 🙂

  • Responder Lia 03/05/2010 at 9:45 pm

    Ótimo post! Fiquei feliz com a parte onde vc fala de hipocrisia, e cita o exemplo recente de uma marca que queria “dar presente” pra algumas blogueiras em troca de post. Tive uma abordagem que me deixou PASSADA na semana passada e imagino que tenha sido a mesma (me conta! hahaa).

  • Responder Drika Rock do Batom 03/05/2010 at 10:01 pm

    Sabe tudo Paula!!!
    Cada vez mais te admiro!! Cara, se todas as blogueiras fossem assim estariamos super no lucro. Fiquei lendo o post e rindo sozinha, faz tempo que acompanho o blog e também te acompanho pelo twitter, então presenciei muito bafafa de pessoas que não tem mais o que fazer, deveriam se espelhar em vc e não falar asneiras.
    Parabéns pelo blog, parabéns por vc ser tão incrível!! Sou sua fã!!
    Não costumo comentar muito, mas esse post não podia deixar passar… bjãoo

  • Responder Thaís Brenner 03/05/2010 at 10:13 pm

    Wow ghata! Não tinha lido este post… e não retiro a parte que disse que te admiro e ponto. Chamo de top e cabou… enquanto outras (sem nome aos bois – ólea a ética) não mereciam tal título não… Sei lá, algumas coisas dispensam comentários, eu jamais mandaria um comment anônimo dizendo que não gosto das moças…. não gosto,não sigo, felicidades…
    No meu bom e humilde blog recebi uma vez um comentário de uma moça revoltosa… primeiro assustei, depois ri de mais, tava na cara que brotou do nada lá, não gostou do que eu escrevi, tava virada, sei lá, achei graça dessa pérola..mas ainda bem que nunca mais aconteceu de novo…
    Sabe o que eu acho a parte ruim do meu blog?! É quando recebo 200 visitas num dia (é bem humilde, né?), e 5 comentários só… nossa, mas me deixa mordida, mas ai eu faço a minha vingancinha (segredo), deixo o post lá, até ter mais comentários.. akakakakakakakakaka bem besta…fazerôque, não tive tempo e nem vigor ainda de ter maiores doresdecabeça…
    Contudo, o meu blog não tem pretensão de ser granduço, como você mostrou ai, este lado da fama me dá um medão, a minha segurança é ser semi anônima e ficar de boazinha com as amhygdalas… se vier a crescer eu nem sei o que eu faço… te chamo para ser parceira já que vc tem experiência… akakakakakaka
    Mas muito bom o post fiótaa!!
    Desculpe não comentar tanto por aqui, acompanho pelo twitter e roooolo de rir…

    Mil Beijus Spice Sweetest!
    =*

  • Responder Paula D'Arienzo 03/05/2010 at 10:39 pm

    Concordo em genero numero e grau. Meu blogzinho está longe de ser o sucesso do seu, mas acima de tudo é o meu espaço, aonde vou falar o que eu quiser sobre o que eu quiser para quem eu quiser. Não vou me vender por causa de um shampoo, um batom, ou qquer coisa do tipo. Se falo de algo é porque eu escolhi, e porque eu gostei e porque acho que quem lê vai gostar também. Se um dia uma parceria bacana aparecer, que legal, mas por enquanto, sinceramente, as propostas são ridículas. Recuso oferecer para as meninas uma “mega” oferta de 5% de desconto… Se é para fazer, vamos fazer direito, me tratem direito porque afinal das contas eu tenho algo que eles querem.

  • Responder Larissa 03/05/2010 at 10:48 pm

    Eii Paula!

    Olha, eu tenho que confessar que não devia estar lendo seu blog agora,…tenho prova para a equipe de dissecação da minha facul e devia estar ESTUDANDO(to f*,…é muita matéria, heheh), mas não consegui evitar! Tive que ler o seu post até o final! Achei muito legal isso tudo que você escreveu, ainda mais que eu e mais uma amiga estamos pensando em criar um blog nas férias, e eu estou pegando algumas dicas com as bloggeiras que gosto. Ler esse post foi muito bom, não sabia que tantas coisas se passavam num blog.

    Parabéns pelo blog!
    Pelos post dá p/ ver um pouco da sua personalidade, sei que essas falcatruas não vão te abalar mesmo. Continue assim!

    beijos

    p.s.: cara, você conseguiu fazer um desabafo, falar tudo que tava te incomodando e ainda ser Diva no final!! Que legal, to besta!

  • Responder Apartamento Fashion 03/05/2010 at 10:55 pm

    Paula, disse tudo!!!!

    Como muitas aqui, ainda tô na fase inicial do blog, onde tudo é um mar de rosas (nem tudo, já que a gente espera ansiosa por algum contato legal). Mas tô aproveitando da melhor maneira possível, e já ligada no que me espera daqui pra frente!

    Beijos!

  • Responder supervixen456 (Camila Irala) 03/05/2010 at 11:03 pm

    muitobao!RT: @sweetestpblog: Se alguém ainda ñ leu, o post de hj é sobre as partes boas e ruins de ter um blog!http://tinyurl.com/2wtzqyk

  • Responder Carolina Tavares 04/05/2010 at 3:08 am

    Eu concordo em gênero, número e grau com você.
    Tenho o meu blog a pouco mais de 3 meses e até que está fazendo sucesso! Mas nada comparado com quem tem ha anos né, claro.
    E sim, aparece sempre uma fofoquinha ali, uma crítica daqui. Coisas altamente desnecessarias.
    Por enquanto eu ainda não ligo, mas vamos ver até quando né!

  • Responder Laura 04/05/2010 at 3:53 am

    Cada dia que passa me convenço mais, e mais que a internet nada mais é do que um retrato perfeitinho do que é o ser humano. Só que na internet as pessoas realmente perdem os limites! Vivemos, todos, as mesmas relações: competição, afeição, tudo q vc citou.

    Mas parece que se tudo isso vc vivido na “vida real” seria uma grande ARENA DE LEÕES, um esbofetiando o outro, selvageria a solta!!

    O Marcelo Medici escreveu um pouquinho sobre isso tb, no blog dele,e terminou com uma frase de Einstein: “Duas coisas são infinitas: o universo e a estupidez humana. Mas, no que respeita ao universo, ainda não adquiri a certeza absoluta.”

    Ah, cmo eu falei, se ainternet retrata bem o que somos, seu guia desabafo pra lidar com gente mala tá muito bom viu!! INSPIRADOR

    Tô lendo e relendo!

    Adorei!

    Bjokas

  • Responder Priscila 04/05/2010 at 7:24 am

    É a primeira vez que comento aqui e nesse post eu não poderia passar em branco. Cada palavra, cada exemplo caiu como uma luva para descrever tudo que eu sinto em relação aos blogs. Muito bem escrito, muito bom! =)
    Beijos

  • Responder kamila 04/05/2010 at 7:34 am

    Eu nunca li algo tao sincero e verdadeiro obre o que é escrever e manter um blog, principalmente um blog com opiniao propriao sobre produtos e marcar. Só tenho a acrescentar ao que já foi dito acima: parabéns pela coragem e que tudo passe te deixe forte para seguir blogando com toda a tua qualidade !

    Sou seguidora recente e este post vai me fazer continuar seguindo sempre !!

  • Responder Valéria 04/05/2010 at 8:42 am

    Paula,

    é por essa forma única de escrever e descrever os seus verdaderos sentimentos, sejam eles de admiração ou indignação, que te admiro tanto e continuo sendo sua fiel seguidora!

    Abraços

    Valéria de Ilheus

  • Responder Letícia Souza 04/05/2010 at 10:02 am

    Algumas coisas eu até já sabia e tinha visto e outras que não sabia fiquei pasma!!
    Até eu vou desabafar aqui agora, e isso vai virar quase um post!!! KKKKKKKKKKKKKKK

    Posso te perguntar uma coisa? Posso responder a alguém que eu ver um comentário fora de propósito do post como esses q vc comentou no seu texto? Além deu ficar com “vergonha alheia” q nem dizem, tb fico com vontade de responder certos comentários que vejo nos blogs pela blogueira, pq até eu fico p* da vida!!

    E essas babacas que acham que o q é escrito nos blogs é direcionado pra elas!! AFEEE!! Esse povo tem q crescer emocionalmente!!! Se não gostar do que está lendo CAIA FORA!! VAI LER OUTRA COISA!!
    Eu como leitora, sempre leio o post e os comentários e ninguém merece uma bestinha qualquer falar: “ai, eu não me acho brega por usar isso ou aquilo”. Cara, se vc não acha, beleza, mas a dona do blog acha e daí???

    É duro ver isso dessas marcas, conseguiram fazer uma coisa legal (resenhas dos produtos) ficar desleal. Agora vou ficar mais criteriosa do que já era na hora de comprar alguma coisa que alguém “testou” e gostou……

    Enfim, adorei o post Paula!!

  • Responder aline moraes 04/05/2010 at 10:16 am

    São mais de 100 coments elogiando, então sou mais uma a acreditar no trabalho arduo, coisas ruins acontecem a pessoas que fazem sucesso, mas isso é baba pra quem tem esse monte de fão que somos nós
    Crescer sempre! parabéns

    Aline

  • Responder Dandara 04/05/2010 at 10:20 am

    Ter um blog não é só postar coisas bonitinhas, interessantes que chamam atenção aos olhos e ponto final. Como você disse tem que ter com compromisso primeiro com você mesmo. De que adianta sair se traindo só pra ter um MEGA nome na “rede” e ser famous se depois seu nome não vai valer nada? E é verdade, cada um tem sua personalidade, e o reconhecimento vem através disso.

    Tu fala bem, e bonito!

  • Responder Michelle 04/05/2010 at 10:21 am

    Oi Paula,
    Faz um tempão q não passo aqui. Mas cheguei num post incrível!!! como sempre, né? rsrs
    Olha Paula vc escreveu algo q eu sempre pensei e nunca consegui expressar .
    Agora q migrei pra .com e fiz uma coisa diferente do q era o blog até então, choveu críticas maldosas, sabe? A gente tem q ter muita personalidade, muita força de vontade e realmente acreditar no nosso sonho.
    Bjão pra vc

  • Responder Flávia 04/05/2010 at 10:39 am

    Paula,
    cheguei até vc pelo tweet do Superziper.
    Tive uma identificação total com o conteúdo e clareza da sua postagem.
    Parabéns. A vida de blogueira é realmente muito interessante – o problema é que às vezes descamba, né?
    Um beijo

  • Responder Patrícia Maia 04/05/2010 at 11:06 am

    Paulinha,
    Não tive tempo de ler todos os comentários… Vc sabe q minha vida anda corrida, mas fiquei feliz por vc, apesar de todas as coisas ruins continuar achando que as boas superam a inveja e a mesquinharia das ruins.
    Saiba que ao menos uma amiga você conseguiu com seu blog e isso é uma coisa que eu acho mto mais importante do que qq pessoa invejosa.
    Adoro vc!
    Beijos

  • Responder Tami 04/05/2010 at 12:31 pm

    Sou leitora assídua de blogs de moda, leio vários diariamente inclusive o seu rsrs e percebi de 70% já postaram algo sobre a falta de educação, ética e noção em certos comentários, mas do que vale fugir da essência do blog para dar bola pra essas pessoas?! Quem é ignorante não liga de ser chamado de ignorante, quem não tem caráter, não liga de ser chamado de mal caráter.
    Eu nunca vi um post falando o quanto é bom receber comentários bons, divertido, motivadores, tudo bem que o mundo não é cor de rosa, mas é bom valorizar o q faz bem pra gente!
    Quem lê todos os dias esses blogs acaba “pagando o pato”! =/
    Eu fico triste leio esses posts, isso não acontece só nos blogs, acontece com todo mundo, no trabalho, na faculdade, na rua, e ninguém fica deprimido por isso.

    Então não ignore essas pessoas, muitas fazem maldades motivadas pela inveja, e isso faz mais mal pra ela do q pra vc.

    Chega de chororô e volta com a programação normal pq isso ta parecendo horário político… kkkk

  • Responder Luciana Betenson 04/05/2010 at 2:00 pm

    MA-RA-VI-LHO-SO. Queria eu ter escrito isto. Vou retuitar djá 🙂 Beijos!

  • Responder Vila_do_Artesao (Vila do Artesão) 04/05/2010 at 2:44 pm

    O bom e o ruim de ter um blog. http://bit.ly/9oTjZI

  • Responder neuzinha (neuzalima) 04/05/2010 at 3:39 pm

    RT @Vila_do_Artesao: O bom e o ruim de ter um blog. http://bit.ly/9oTjZI

  • Responder Elianinha 04/05/2010 at 6:53 pm

    Querida, saiba que o sucesso de poucos é a dor de cotovelo para muitos. E que venha logo este novo blog!!!
    Beijos mil…

  • Responder Luciana 04/05/2010 at 8:36 pm

    Eu adoro blogs, sou super fã.
    Nem sempre deixo comentários, mas dou sempre a minha espiada nos blogs que mais gosto.
    Já tive vontade de criar meu blog, mas no fundo acho que me falta coragem pra ligar o f@…-se e não dar bola para pessoas maldosas, ou então da exposição que pode gerar. Por isso mesmo parabenizo quem sabe fazer isso com ética e profissionalismo, sem deixar de se divertir!
    Parabéns!

  • Responder Gaby Villa 04/05/2010 at 11:53 pm

    Não tenho costume de comentar, mas admito que sou uma leitora fiel; tenho os meus blogs favoritos na qual estou sempre lendo, como o seu por exemplo.
    Já cheguei a ler desse caso de “inimigos ocultos” em outros lugares e não consigo entender a razão dessas pessoas. Já não basta a gente ter que conviver com pessoas grosseiras e mal-educadas no nosso dia-a-dia, ainda tem que aturar os desconhecidos? Eu, como leitora, me sinto ofendida com isso também e gostaria
    que as pessoas entendessem que não concordar com algo não justifica a falta de respeito com o próximo. Claro que todos somos livres para nos expressarmos, temos o direito da crítica, seja ela positiva ou negativa, e até acho que elas são importantes, mas com fundamento e com educação.

    Respeito é primordial e já passou da hora das pessoas colocarem isso em prática na vida, né!

    Adorei o post, achei as dicas super válidas, mas prefiro continuar no meu posto de leitora! hehehe. 🙂

    Beijos,
    Gaby Villa

  • Responder Adriane Martins 05/05/2010 at 8:49 am

    Oi Paula!!!

    É a primeira vez que comento aqui, mas adorei o seu post. Tenho passado por um fase de conflito interno muito grande, meio que sem saber o que fazer ou para onde ir e tenho a sensação que devo ter um blog, pois me identifico demais com esse meio de comunicação e amo moda (o foco seria esse!), mas ainda nao dei o primeiro passo para essa execução, pois não sei como criar um e ainda não encontrei uma pessoa entendida do assunto para me ajudar. Mas adorei ler o seu desabafo e perceber que tb nesse mundo nem tudo são flores. Não adianta, não temos por onde fugir, pessoas desse tipo existem por todas as partes, portanto, vamos em frente…. e que venham os AMIGOS de verdade.

    Beijos

  • Responder Fabiana 05/05/2010 at 11:15 am

    Achei muito oportuno o seu post, e concordo com todas as considerações feitas…Porém acho muito importante colocar também que existe MUITA VAIDADE nesse meio..por parte de blogueiros/as que já possuem alguma fama na blogosfera…Por exemplo…Recentemente fiz um blog (depois de muito acompanhar outros blogs) http://asdondokas.blogspot.com. Num primeiro momento fiquei muito empolgada e feliz, pois finalmente tinha realizado meu maior desejo…Quem tem blog sabe como o começo é complicado e tals..O meu blog tem apenas 5 meses….Mandei e-mail para diversas blogueiras, convidando-as para visitarem meu espaço…Sinceramente?? Acho que nenhuma delas nunca nem olhou lá…E veja bem, não estou querendo que me joguem confetes ou algo assim…Mas gostaria somente de um pouco de atenção…Pq acredito que não custa nada olhar ao menos…E não é possivel que a pessoa não tenha nenhum tempinho!!! Isso desanima…Me faz acreditar que é necessário fazer parte de um grupo seleto para ter alguma relevância…É muito ruim escrever para ninguém..E é assim que tem sido comigo durante esse tempo…Escrevo para ninguém ler!!! Sei que falta muita coisa ainda para meu blog atingir os níveis necessários…mas é o começo, eu tô aprendendo, e começo não é facil pra ninguém….Queria também deixar bem claro que tudo isso naõ se aplica a vc DONA desse blog..Pouco conheço seu espaço..Mas pelo que vi é bem cool….Gostei muito!!!

    Obrigada

  • Responder Camila Alvarenga 05/05/2010 at 1:39 pm

    Adorei o post, principalmente no que diz respeito a propagandas e promoções. Já me decepcionei mto com blogs por aí que fazer merchan de coisas que não se enquandram n perfil dos leitores. Fica a impressão de que a prioridade do blog é ganhar dinheiro.
    Beijos

  • Responder Patrícia 05/05/2010 at 10:04 pm

    Nossa Paulinha, nunca achei que blog tivesse o lado ruim, mas é bom saber pelo que vc passa, eu adoro o sweetest e fiquei muito feliz de saber que vc irá criar o segundo blog, acho que vc é uma pessoa que escreve muito bem e tem conhecimento do que vc fala, só tenho uma coisa pra te dizer… Ignora coisas e comentários que não te acrescentam…Ha já estava esquecendo, adorei a frase da Carol “Pisou no meu calo, eu deleto mesmo!”… já postei no twitter, orkut e etc…
    Beijão e adoro vc.

  • Responder Jaqueline Carvalho 05/05/2010 at 11:10 pm

    Fiquei pasma e encantada ao mesmo tempo enquanto eu lia essa matéria. Não tiraria nenhuma vírgula sequer, falou tudo. E realmente, não sei se isso aconteceu com todos os blogueiros na ativa desde 2007, mas esse ano está sendo mega aproveitado. Acho que até pela forma que essa ferramenta se tornou profissionalmente, em todos os sentidos. Me identifico e já passei por situações semelhantes ao que você descreveu. É no mínimo interessante passar por esses acontecimentos, vou dizer que amadureci de uma forma inimaginável esses 3 anos de vida de blog. E sim, requer muita disciplina, muita leitura, muita dedicação, muito suor, muito tudo. É um full time job incrível. Digo que acabei de ler um blog que indicou essa matéria, ainda não conheço aqui mas desde já ganhou uma leitora nova e está de parabéns (:

    besos

  • Responder Letícia Souza 06/05/2010 at 8:03 am

    Ai Fabiana….
    Vc acha q o pessoal q tem o próprio blog tem tempo de ler os outros? Vc tem idéia de qt tempo é dedicado a fazer um blog de qualidade? Buscar figuras, fazer contatos, montar textos, pesquisar muito, conversar com muita gente!!
    Vc acha q as meninas não tem outra coisa pra fazer além dum blog? Elas não trabalham, não passeiam, não tem marido, filhos, família?
    Batalha pelo seu, pq o sucesso de alguns blogs não caíram do céu….
    Chorar não adianta… E esse negócio de ficar pedindo visitinha é UÓÓÓÓ! Coisa mais infantil essa….

  • Responder Rosangela 06/05/2010 at 2:52 pm

    Oi Paula, li seu comentário.
    Achei ele válido. Gosto do seu blog e o de mais um monte de meninas, mas com o peso que muitos deles têm no sentido de fazer uma marca bomar – veja aí o exemplo dos esmaltes da Big universo – muitas blogueiras têm pisado na batatinha. Meninas que ficam 24 horas no dia falando de moda e beleza, dizem comprar a todo momento – e produtos caros, que custam na maioria das vezes entre 50 até 200 reais ( de onde vem tanto dinheiro para custear esses produtinhos?) e que o restante do conteúdo fica no beleleu… não leem um livro, nao fala de mais nada… sei lá, acho estranho. Isso sem contar com a carga narcisista que o blog fica – exemplo dele é o blog garotas modernas – onde a dona do blog se enche de informação num look só e posta trocentas fotos dela ( eu rio, ela parece a personagem de viuva Porcina) – isso dá nos nervos… mas vou fazer o quê? ora bolas, é tão simples, removo do meu favoritos.

    O que eu percebo é que muitas pessoas que leem e acompanham blogs acha que a pessoa recebe a todo momento brindes e mais brindes e têm uma conta bancária recheada mensalmente pela profissão de blogar – o que não é o caso, ne? Isso sem contar que internet é uma coisa e vida pessoal é outra!!!

    mas vc é uma menina super tranquila e seu blog é 10 – gosto de vc pq não pe afetada como muitas!

    Bjos e continue assim!

  • Responder j. noronha 06/05/2010 at 4:00 pm

    Só tendo um blog para conhecer os bastidores da Internet, para o bem (raro) e para o mal.

    Valeu a citação.

  • Responder Ana Corina 07/05/2010 at 6:47 pm

    Oie! Como você, tenho um blog desde 2007 e ele, graças a muito trabalho, é bastante reconhecido entre os que sentem-se mães e pais de cães e gatos. Infelizmente, ele também é frequentado por uma gente louca, que não tem competência e só vive para invejar. É deprimente, principalmente porque no meu caso tanta picuinha prejudica justamente quem essas pessoas dizem amar tanto, os animais que precisam de adoção e outros cuidados. Postarei teu texto lá no Mãe de Cachorro Também é Mãe, com link pra cá etc., até pq se tem outra coisa irritante, é o blogueiro parasita, né? Parabéns, adorei! Beijo e força na peruca!

  • Responder Ana Luísa de Oliveira Martins 09/05/2010 at 12:42 pm

    Parabéns pelo post. Devido a muitos desses fatores que comentaste é que a gente (nós que não somos blogueiras mas acompanhamos os blogs) fica com a impressão de que os blogs estão se profissionalizando e isso no mau sentido. Não melhoram a parte gráfica nem os posts, apenas ficam resenhando sobre os mesmos produtos os quais fica óbvio que só estão ali porque a blogueira recebeu a coleção toda de presente. Sem contar que é muito chato acessar vários blogs e todos estarem falando sempre das mesmas coisas com as mesmas fotos e váááárias vezes a resenha é uma simples cópia do release do fabricante ! O Sweetest é um dos poucos que sobrou na minha lista de favoritos.

  • Responder Taíssa 09/05/2010 at 11:44 pm

    Oi!!!
    Nossa, sempre entro auqi , mas tb sou uma das que não comentam muito.
    Tenho que falar que adorei tuuudo o que vocêescreveu, tb tenho um blog há pouco tempo e sinto muitas coisas que você tem falado awqui no post. Ainda bem que ainda não tive(nao que eu saiba..rs) nenhum problema com fofocas ou qualquer coisa do tipo, mas já até vi alguns posts meus copiados para outros blogs. Isos chateia, mas rpefiro ignorar por enquanto.
    Bom, gosto muito dauqi e concordo com vc, os pontos positivos superam os negativos!!

  • Responder Camila Martins 10/05/2010 at 8:46 pm

    Gata, seu blog é um dos poucos que eu continuo acompanhando, concordo com o que escreveu nesse post. Gosto particularmente de você e do Sweetest, talvez pelos Pequenos Escritos que mostram sua sensibilidade e te diferenciam, não sei. Sobre o blog novo que você citou, eu tô sorrindo de orelha a orelha aqui só por imaginar que possa ser um blog com seus escritos, hahahah, eu ficaria felicíssima!
    É isso, um comentário rápido só pra afirmar (não que você não saiba) que é muito querida! Sucesso sempre, um beijo.

  • Responder Lila 11/05/2010 at 10:02 am

    bom como eu ainda sou nova no mundo dos blogs (apenas 1 ano) não passei por tudo isso que vc já passou, mas que eu vejo com muita frequancia blogs competindo com outros, um xingando o outro fora os cometários ”amigos” que as vezes eu recebo no meu hauhua adoreeei o post

    adorei

  • Responder marianna 11/05/2010 at 8:19 pm

    perfeito post. ja tive blog, sei como é! e você explico mto perfeito. mto mto bom (: adoro seu blog, e espero que todas essas coisas ruins não façam voce desistir daqui. :*

  • Responder Ana Corina 12/05/2010 at 1:07 am

    Tá na mão o post http://www.maedecachorro.com.br/2010/05/pros-e-contras-de-manter-um-blog.html

    Beijo e parabéns novamente!

  • Responder Hellê 12/05/2010 at 11:48 am

    vim, super atrasada aki, mas precisava dar o meu parecer, axei muito bacana e verdadeiro tudo o que você falou aih, sou blogueira há pouquíssimo tempo, então é sempre bom saber o que pode vir por aí

    muito bom o post 😉

  • Responder Lu torres 13/05/2010 at 12:10 pm

    Eu sempre ouvi falar muiiito bem do sweetest, mas de fato, nunca entrei aqui pra ler com tempo os posts!
    Mas hoje parei e li esse post ÓTIMO, muiiiito bem escrito, e com uma visão bem legal da blogsfera!Me identifiquei horrores!

    E pra grande parte que tem blog, deve ter caído como uma luva o post!

    Vou voltar sempre agora!

    beiijo e parabéns!=D

  • Responder Júlia 15/09/2010 at 10:20 pm

    Olá, acabei de conhecer o seu blog!

    Muito legal este post e me fez pensar em várias coisas!
    Nunca tive problemas com o meu, apesar de ter ele desde 2003.

    O meu blog sempre foi uma coisa mt pessoal, na verdade ele acompanha as fases da minha vida, este ano casei, e comecei a escrever no blog desde o ano passado sobre os preparativos e dando dicas para outras noivas.

    Este ano comecei a receber emails de buffet, salões de festa pedindo divulgação. Eu sempremando um email resposta dizendo que esta não é a minha linha editorial.. que eu só comento no blog as coisa que eu testo e aprovo.

    E é justamente isso… não quero me vender por qq coisa… até pq eu trabalho, ganho o meu dinheiro e faço o meu blog por prazer, e como vc falou… se um dia ele mudar de dimensões, ok! Mas isso vai acontecer gradualmente e naturalmente!

    beijos, ju

  • Responder magali castilhos 18/11/2010 at 3:15 pm

    Adorei essa postagem, ela passa informações muito interessantes!
    Especialmente no meu caso, meu blog tem apenas 5 meses de vida…

    Abraço.

  • Responder Tânia Lopes 01/05/2011 at 3:57 pm

    Sou mais uma novata nessa blogosfera com apenas 4 meses de blog.

    Tento ao maximo ler posts como o seu para tentar me direcionar no caminho correto. Se no nosso dia a dia ja nos deparamos com pessoas falsas, sinicas e oportunistas pq na blogosfera seria diferente?

    Vc certamente me ajudou bastante com esse post e parabens!

    Sao pessoas como vc, que realmente escrevem o que publicam que me inspiram.

  • Deixe seu comentário